Google+ Followers

terça-feira, 5 de novembro de 2013

e se eu pudesse entrar na sua vida...


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Marte, na 2ª hora de Mercúrio: As Estrelas (6 de Copas) + as cartas de corte: A Lua (8 de Copas) e O Anel (Ás de Paus). A carta das estrelas rege o signo de Aquário e representa sorte, recompensa, confiança, fé, esperança, segurança emocional e caminhos abertos, além da proteção do nosso anjo da guarda. A carta da lua rege o signo de Câncer, onde temos Júpiter e Lilith em trânsito, e nos fala de honrarias por merecimento, envolvimento emocional na questão, intuição, mistérios e sombras também. A carta do anel rege o signo de Touro, 1º domicílio de Vênus, e representa as nossas parcerias amorosas e sociedades.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Sagitário quadrada a Marte em Virgem e em trígono com Urano retrógrado em Áries. Vênus em Capricórnio participa de bisextil com Netuno retrógrado em Peixes e com Mercúrio retrógrado e Nodo Norte conjuntos em Escorpião. Plutão em Capricórnio quadra Urano retrógrado em Áries e participa de bisextil com Marte em Virgem e com Sol e Saturno conjuntos e Mercúrio retrógrado e Nodo Norte conjuntos, todos em Escorpião. Júpiter e Lilith em Câncer também participam de bisextil com Marte em Virgem e com Sol em Escorpião. Meio do Céu em Capricórnio e Ascendente em Áries na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
Como foram de eclipse? Também sentiram-se profundamente mergulhados no mundo de dentro, com poderosos entendimentos dos próprios padrões e sombras? Por aqui o mergulho foi denso, com sonhos cheios de mensagens perturbadoras mas com incrível potencial de cura. Sabe aquela tênue separação entre a loucura e a sanidade, quando a gente pensa que não vai dar conta do recado? Pois é, foi mais ou menos assim, com a intuição ativada ao máximo e muitas peças soltas para montar a cena, como uma história em capítulos pescada diretamente do mundo das sombras, com direito à barca de Caronte (mitologia). Ainda bem que eu tinha moedas para pagar o retorno. E cá estou eu de volta, sã e salva e com ricas conexões feitas.

Agora já temos a lua no expansivo Sagitário, com um clima mais dinâmico e otimista, embora ela esteja quadrada a Marte e em trígono com Urano, testando a nossa paciência exatamente no quesito ter mais paciência, para não destemperar e soltar os bichos brigões por aí. Mas a grande novidade do dia é a mudança de endereço de Vênus, que entrou hoje nas terras montanhosas de Capricórnio, onde fica por longo tempo, até dia 05 de março de 2014, nos trazendo neste período seus valores e sua forma de atuar nas relações e parcerias. A Vênus caprica é seríssima, tanto que parece fria e calculista, mas a fachada esconde uma caliente disposição entre quatro paredes, conhecida apenas pelos poucos que conseguem furar o bloqueio bastante seletivo e compartilhar da sua intimidade. Essa Vênus gosta de compromisso e não cede a apelos tresloucados de amor à primeira vista nem a casos passageiros. Quem a conhece de perto jamais esquece do delicioso presente que é compartilhar uma verdadeira montanha derretida em prazeres sem fim. Ela não brinca com amor, ou se entrega completamente ou não quer saber de conversa. Teremos, portanto, uma fase de maior comprometimento amoroso pelos próximos quatro meses. E desta vez o astral caprichou. Ela chega cheia de poder realizador nas conexões que faz com outros planetas e se encaminha para o encontro com o velho e poderoso feiticeiro, Plutão, que também está em Capricórnio, prometendo mergulhos intensos no reino do prazer. Além disso, ela chega em Capricórnio com a lua nova de Escorpião, dentro de um ciclo que começou com direito a eclipse e stellium, marcando sua jornada com o selo do poder e da intensidade. Novos tempos se abrem nas relações, agora mais do que nunca com exigência de dedicação. Só o que for de verdade e com verdade sobreviverá. Seja muito bem-vinda, Vênus cabra da peste!

A carta das Estrelas chega em destaque, anunciando realizações emocionais que finalmente começam a se fazer sentir. Depois do perturbador porém necessário mergulho nas sombras (A Lua), novas ou renovadas alianças (O Anel) com a conquista da tão desejada segurança emocional (As Estrelas).

Para coroar a chegada da Vênus caprica, a minha querida Vênus natal, hoje vamos de Chico Buarque, por ele mesmo e Edu Lobo: Beatriz.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

2 comentários:

  1. Coisa mais linda a sua medicina, querida!
    E que música, que música, que música... Não consigo parar de ouvir.
    __/\__

    ResponderExcluir