Google+ Followers

quarta-feira, 31 de julho de 2013

uma questão de vibração...


Boa tarde, queridos!

Cartas de hoje, dia de Mercúrio, na 2ª hora de Vênus: As Estrelas (6 de Copas) + as cartas de corte: Os Peixes (Rei de Ouros) e O Sol (Ás de Ouros). A carta das estrelas rege o signo de Aquário e representa sorte, renovação de esperanças, realização de desejos, bênçãos, fé e a proteção do nosso anjo da guarda. A carta dos peixes rege a casa II da mandala astrológica, casa de Touro, 1ª morada de Vênus e lugar das nossas posses, recursos, bens. Os Peixes nos falam de riqueza, prosperidade, e também nos dizem que as coisas estão fluindo, movimentando-se. A carta do sol rege o signo de Leão, onde temos o próprio Sol em trânsito neste mês de aniversário dos leoninos, e representa proteção, cura, caminhos abertos, iluminação, prosperidade.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a Lua minguante nos últimos graus de Touro e quadrando Netuno retrógrado em Peixes. Daqui a pouco, por volta da uma da tarde, ela entra em Gêmeos e continua quadrando Netuno. Sol em Leão faz trígono com Urano retrógrado em Áries e quadra Nodo Norte e Saturno escorpianos. Nodo Norte faz trígono com Marte em Câncer. Mercúrio canceriano está sem aspectos. Retângulo místico ligando Júpiter em Câncer, Vênus em Virgem, Plutão retrógrado em Capricórnio e Netuno retrógrado em Peixes e recebendo a influência de Nodo Norte em Escorpião através de sextis com Plutão e Vênus. Grande trígono das águas ligando Júpiter, Saturno e Netuno. Quadratura em T entre Urano retrógrado em Áries, Marte e Júpiter conjuntos em Câncer, e Plutão retrógrado em Capricórnio. Meio do Céu em Câncer e Ascendente em Escorpião na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
Quando a Lua quadra Netuno, temos uma forte tendência à ilusão, aos enganos e sonhos altos demais. Também há uma tendência ao escapismo e ao exagero nas doses de bebidas alcoólicas e drogas. Mas há, por outro lado, um forte exercício de espiritualidade e fé. Como ainda temos um festival de sextis, trígono milagroso das águas e até retângulo místico no céu, podemos contar com o auxílio luxuoso do alto. Mais uma vez conta muito a escolha do que vamos vibrar. Podemos entrar na energia da reclamação, fúria e/ou vitimização, disponível com fartura especialmente para as pessoas de signo de fogo ou com fogo forte no mapa, limitadas pelas oposições e quadraturas. Como o fogo não consegue expandir-se a contento, fica ardendo a sua brasa a espera de alguém que o cutuque, que o provoque. O melhor é não colocar lenha para não alimentar qualquer faísca de conflito, afinal todos temos os três signos de fogo no mapa, embora a coisa pegue mais para quem os têm em lugar de destaque, principalmente Áries e Leão, o primeiro contido e provocado ao mesmo tempo pelos gigantes da quadratura em T, o segundo limitado pelos ventos gelados e desestimulantes de Saturno. Se for provocado, deixe pra lá. Quando a gente não aceita, o problema é do outro e não nosso. Assim nos libertamos da possibilidade de mágoas. No mais, vibre alto e ancorado na fé... esta é a energia que vale investimento e que também está disponível no astral.

As cartas vão lá na frente e captam a energia da intuição, nos mostrando a melhor atitude para o momento. E é claro que elas apontam a direção da fé, com a carta das estrelas abrindo o caminho e derramando bênçãos para quem souber fluir na vibração próspera dos peixes e desejar a iluminação e cura do sol.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

4 comentários: