Google+ Followers

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

year of the cat


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Mercúrio, na 1ª hora de Vênus: A Foice (Príncipe de Ouros) + as cartas de corte: O Buquê (Rainha de Espadas) e A Cegonha (Rainha de Copas). A Carta da foice, pela primeira vez aqui no Salamalek Tarot, é regida por Kíron, o curador ferido, em trânsito pelo signo de Peixes. Kíron representa as nossas feridas e dores mais enraizadas, as dores da alma, aquelas que já trazemos com a gente ao nascer e para as quais normalmente desenvolvemos habilidades para curar outras pessoas, mas não a nós mesmos. Através da cura que doamos, curamo-nos também. A carta da foice nos fala de cortes súbitos, separações, términos, rompimentos. Os acontecimentos vêm de forma súbita, brusca, inesperada. Ela corta o que está à frente da sua ponta afiada. Quando porém vem em último lugar na tiragem, como é o caso de hoje, a sua lança não aponta para nada, alterando então o seu significado. Desta forma, ela acelera os eventos previstos nas cartas que a antecedem. A foice está associada ao orixá Omolu. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê. A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua balsâmica (final da fase minguante) em Aquário e ainda conjunta a Vênus em Capricórnio, em quadratura em T com Lilith em Câncer e Marte e Nodo Norte conjuntos em Libra. À noite, às 20h05, a lua começa um sextil com Urano. Mais tarde, às 21h51, a lua desfaz a quadratura com Marte e Nodo Norte conjuntos, mantendo apenas a oposição com Lilith, que também se desfaz às 22h56, mantendo apenas o aspecto benéfico com Urano, seu dispositor. Vênus em Capricórnio faz a mesma quadratura em T e faz sextil com Saturno em Escorpião. Plutão em Capricórnio faz quadratura em T com Urano em Áries e Júpiter R em Câncer e faz sextil com o Sol em Peixes. Saturno em Escorpião quadra Mercúrio R em Aquário. À noite, às 20h24, Mercúrio R se livra da quadratura com Saturno e fica sem aspectos. Júpiter R em Câncer faz trígonos com Sol e Netuno conjuntos em Peixes. Meio do Céu em Peixes e Ascendente em Gêmeos na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua balsâmica em Aquário se estranha com Lilith, Marte e Nodo Norte durante todo o dia. À noite ela se harmoniza com seu dispositor, Urano, e se livra da quadratura em T. Temos um dia bastante puxado, com exigências que em certos momentos podemos julgar superiores às nossas capacidades. O coração pode mesmo ficar oprimido, com uma sensação de angústia que parece não caber no peito e sobe pelo pescoço, como se a gente tivesse um tijolo atravessado na garganta. Calma! Vá encaminhando as coisas, uma de cada vez, se possível sem se envolver no furacão. Não deixe o monstro te engolir. Lembram da dica de procurar o olho da tormenta e lá permanecer até passar? É super válida para hoje. Quanto mais tranquila a postura, mais chance de não fazer estragos e também de encontrar saída para as aflições. Não deixe que a mente dispare a sugerir abobrinhas que visam tirar o controle de si. São sugestões do ego, não dê ouvidos. Não julgue também. As pessoas podem estar todas meio enlouquecidas, custando a dar conta dos próprios problemas, atrasos, desencontros. A noite pode trazer mais leveza, com a chegada de soluções criativas e a mente aberta às novidades. Lua e Urano estarão então em bom aspecto e Mercúrio ganha uma folga da opressão de Saturno, bailando solto em Aquário e trazendo ares bem originais. Boas surpresas também podem nos visitar.

Hoje faço a postagem de uma lan house, porque bem no finalzinho da retrogradação Mercúrio resolveu bagunçar a minha conexão. Faz parte. Mais um teste de paciência para a minha coleção. Ommmmm.

As cartas nos trazem a Foice em destaque, pela primeira vez aqui no Salamalek Tarot, influenciada pelo Buquê (Júpiter) e pela Cegonha. Um golpe (A Foice) de sorte (O Buquê/Júpiter) pode chegar e transformar de repente o cenário para melhor (A Cegonha).

Hoje vamos de Al Stewart, com Year Of The Cat.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Petit Lenormand by Britta Kienle

Nenhum comentário:

Postar um comentário