Google+ Followers

domingo, 26 de janeiro de 2014

modinha - seresta nº 5


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia do Sol, na 2ª hora da Lua: A Chave (8 de Ouros) + as cartas de corte: A Chave (de novo!) e O Coração (Príncipe de Copas). A carta da chave é regida pelo Sol e nos diz que temos a solução, a senha para abrir os caminhos está em nossas mãos. Ela nos traz ainda esclarecimentos, revelações. A carta do coração rege a casa VII, casa de Libra, 2º domicílio de Vênus, esfera dos nossos relacionamentos íntimos e parcerias, e representa envolvimento emocional, amor e paixão. Marte, o guerreiro planeta da ação transita atualmente neste território, o signo de Libra.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a Lua minguante em Sagitário quadrada a Netuno em Peixes e em bisextil com Sol em Aquário e Urano em Áries. Saturno em Escorpião quadra Mercúrio em Aquário e faz trígono com Lilith em Câncer. Nodo Norte em Escorpião quadra o Sol em Aquário e faz trígono com Netuno em Peixes. Marte em Libra quadra Lilith em Câncer e faz trígono com Mercúrio em Aquário. Júpiter retrógrado em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Vênus retrógrado e Plutão conjuntos em Capricórnio. Meio do Céu em Touro e Ascendente em Câncer na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua míngua no arqueiro em lindos aspectos com Sol e Urano. Mas ela também quadra Netuno, nos convidando ao equilíbrio entre realidade e fantasia, identificando o que pode realmente ser cocriação para uma realidade concreta ou uma entrega fantasiosa e obstinada pautada em ilusões. Bem de acordo com a fase minguante, quando somos convidados a fazer um balanço dos nossos desejos, compreendendo quais deles se mostraram válidos com a cheia da lua e quais se mostraram frustrados e pedem reconsideração. Para nos ajudar nesta seleção, em pleno dia solar, voltado ao trabalho interior, os bons aspectos com Sol e Urano concorrem para iluminar as nossas necessidades emocionais e aumentar a intuição para nos servir de guia. Tudo isso junto traz um astral animado, nos motivando com o otimismo característico da lua sagitariana a encontrar caminhos possíveis para as nossas realizações. O convite do céu está agora muito mais voltado à entrega, à uma postura relaxada que confia no plano maior, removendo a carga de preocupação que se apossa de nós quando ficamos na expectativa por algum acontecimento e nos enredamos na traiçoeira trama da ansiedade, que só faz atrapalhar o curso natural das coisas. A fé é exatamente o oposto disso, ela é entrega e confiança. Que façamos então com entusiasmo tudo que está ao nosso alcance e deixemos a cargo do mistério superior que tudo rege as coisas que não podemos mudar. A dica é observar com tranquilidade os recados que o universo nos envia a todo momento, com acontecimentos que cercam a nossa rotina e nos dão pistas se estamos ou não em sintonia com a nossa jornada, destino. Quando confiamos, adquirimos leveza, e esta condição harmônica nos permite identificar a vida como uma sinfonia. Qual é o som que ressoa no seu coração? Se ele for limpo e fluido, a harmonia está presente. Se ele causar estranheza, com pobres e dissonantes arranjos, está na hora de ajustar o sinal para mergulhar novamente na frequência ideal. Quanto mais conectados à natureza, mais apurados se tornam os nossos sentidos, como antenas capazes de captar a pureza da melodia orquestrada para cada um de nós.

As cartas nos trazem a Chave em destaque, com influência dela mesma e do Coração. É isso, queridos. A gente sempre sabe o caminho com clareza se o coração for consultado. E temos nesta tiragem uma chave para acessá-lo e outra para conquistar as soluções por ele indicadas. Então mãos à obra, vamos ao trabalho interior!

E porque falei em sinfonia, hoje vamos de Tom Jobim e Danilo Caymmi em belíssimo arranjo de Jaques Morelenbaum, Paulo Jobim e Tom Jobim para Modinha - Seresta nº 5, de Heitor Villa-Lobos e Manuel Bandeira.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

Nenhum comentário:

Postar um comentário