Google+ Followers

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

let's stay together


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia da Lua, na 2ª hora do Sol: O Anel (Ás de Paus) + as cartas de corte: Os Lírios (Rei de Espadas) e O Buquê (Rainha de Espadas). A carta do anel rege o signo de Touro, 1º domicílio de Vênus, e representa as nossas parcerias amorosas e sociedades. A carta dos Lírios é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a Lua crescente em Gêmeos fora de curso desde às 19h34 de ontem e até às 22h26 de hoje, quando ingressa Câncer. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter retrógrado em Câncer e Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes faz trígono com Nodo Norte em Escorpião. Mercúrio em Aquário quadra Nodo Norte em Escorpião. Sol e Vênus retrógrado, conjuntos em Capricórnio, fazem quadratura em T com Júpiter retrógrado em Câncer e Marte em Libra, oposição a Lilith em Câncer e sextil com Saturno em Escorpião. Saturno em Escorpião faz trígono com Lilith em Câncer. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Câncer na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
Depois de muitas horas fora de curso em Gêmeos, a lua crescente volta ao lar esta noite. Às 22h26 ela chega ao signo de Câncer em bela recepção, harmonizando-se com Netuno e Nodo Norte no grande trígono das águas. E é lá, em sua casa, que ela entra na fase cheia na madrugada de quinta-feira, alcançando a plenitude desta lunação capricorniana, quando estará em conjunção com Lilith e em trígono com Saturno, regente da lunação. Ou seja, a partir da noite de hoje estaremos caminhando para o ápice dos intentos, para a colheita das sementes que plantamos na primeira lua nova do ano. A tendência até lá é de extrema sensibilidade, com emoções à flor da pele e intuição acuradíssima. Um tempo precioso para acolhermos especialmente a nós mesmos neste ciclo tão importante na questão dos relacionamentos, com Vênus em plena viagem investigativa, procurando entender-se consigo mesma e com todos os valores herdados e adquiridos em uma vida inteira (ou até várias vidas), já que em sua oposição com Júpiter, também retrógrado, resgata vivências ancestrais. A grande questão é a descoberta de quem somos nós, e com o que e com quem vamos fazer ou refazer alianças no cumprimento do nosso destino. Lá de Libra, Marte pouco afeito à decisões, aguarda e observa. A decisão está nas mãos do feminino, não das mulheres, mas da porção feminina guardada em cada ser. Quanto mais próximos da fase cheia da lua, mais claros veremos os sinais, espocando feito fogos de artifício em cada olhar. Por isso é tão importante afinar o nosso próprio olhar, conectando-o ao coração, porque é de lá que obtemos a visão cristalina capaz de ultrapassar a superfície e avistar a alma. Estaremos todos equipados com a capacidade feminina de ver além das aparências, homens e mulheres. Para fazer bom uso desse equipamento entretanto, devemos ser capazes de mergulhar no profundo de nós mesmos e reconhecer as limitações que nascem dentro e nos envenenam aos poucos, como artérias entupidas que sufocam os porões da alma, impedindo as boas trocas entre o eu que idealizamos e o eu que de fato somos. Resolvida a equação do eu, teremos alçada para escolher o parceiro, firmando ou reafirmando votos com quem de fato merece ser companheiro de jornada.

Fiquem atentos a tudo, apurem a verdadeira visão, anotem seus sonhos. Revelações importantes estão a caminho. Não deixem que se percam na lama do sentimentalismo e da carência. Aproveitem o exercício de contradição com o elemento terra fornecido com fartura e profundidade na oposição com Capricórnio e façam barro construtor.

As cartas nos trazem o Anel em destaque, com influência dos Lírios e do Buquê. Essa aliança é nossa, queridos. Que possamos resgatar a gentileza e amorosidade que merecemos receber de nós mesmos em primeiro lugar.

Hoje vamos de Al Green, com a deliciosa Let's Stay Together.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

Nenhum comentário:

Postar um comentário