Google+ Followers

domingo, 25 de maio de 2014

luiza


Olá, queridos!

Enfim de volta ao Salamalek! Perdoem o meu sumiço, dias frenéticos por aqui, mas cheios de lindas vivências e celebrações prazerosas.

Cartas de hoje, dia do Sol, na 2ª hora de Marte: A Casa (♥ Rei de Copas ♥) + as cartas de corte: A Cegonha (Rainha de Copas) e o Buquê (Rainha de Espadas). A carta da casa rege a casa IV da mandala astrológica, casa de Câncer, onde temos Júpiter em trânsito, e representa segurança emocional, equilíbrio, proteção, bem como o nosso eu, o nosso lar, a nossa intimidade e a nossa família. A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos Lua, Vênus e Urano em trânsito, este último o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua balsâmica (final da fase minguante) em Touro conjunta a Vênus, oposta ao Nodo Norte em Libra e em sextil com Mercúrio em Gêmeos. Às 22h10 a lua taurina inicia outro sextil, com Netuno em Peixes. Às 23h25 ela inicia uma quadratura com Lilith em Leão. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão R em Capricórnio. Netuno em Peixes quadra o Sol em Gêmeos. Plutão R em Capricórnio quadra Marte em Libra. Saturno R em Escorpião faz trígono com Júpiter em Câncer. Nodo Norte em Libra faz trígono com Mercúrio em Gêmeos. Marte em Libra faz bissextil com Lilith em Leão e Sol em Gêmeos. Meio do Céu em Virgem e Ascendente em Capricórnio na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua balsâmica (final da fase minguante) chega a Touro, o dono desta lunação que se finda. E hoje ela baila de mãos dadas com a dona da casa, Vênus (nos últimos graus de Áries), e se alia a Mercúrio em aspecto harmônico. Mas também faz exercício de oposição com o Nodo Norte. Tarde da noite ela recebe as bênçãos de Netuno e se estranha com Lilith.

Hoje é dia de trabalho interior, quando devemos olhar com atenção para a nossa intimidade, dialogar com o nosso mundo de dentro e conhecer melhor os propósitos que nos guiam, ou deveriam nos guiar. A lua esteve vazia em Áries durante a tarde inteira e nos ancorou ainda mais aos nossos porões. A pergunta que reverbera é: o que afinal o nosso coração quer comunicar ao outro? Quem é esse outro que queremos como parte do nosso destino? E será que ele sabe disso ou o plano de voo que o inclui é só nosso? No comecinho da noite a lua ingressou Touro, signo de terra, de concretizações portanto. Só que ainda estamos na maré vazante, ainda não é hora para grandes inícios ou mesmo comunicações decididas, mesmo porque Marte, que esteve por tanto tempo em marcha à ré, embora já tenha retomado o movimento direto, ainda não pegou o embalo necessário para que a atitude acompanhe a velocidade do pensamento. Mas de dentro brotam com mais exatidão as sensações do que merece ser semeado a partir da tarde de quarta-feira, dia 28/05, quando terá início a lua nova da lunação de Gêmeos, signo regido por Mercúrio, o deus da comunicação. Então chegaremos ao ponto de maturação, estaremos aptos a comunicar com todas as letras nossos sentimentos e decisões. Mas hoje já teremos condições de aferir o nosso campo emocional com bastante sensibilidade. É o sentir que vai comandar as escolhas, algumas difíceis. Quase no fim da noite, às 22h10, Netuno estende seus braços para essa lua taurina colada em Vênus e em harmonia também com Mercúrio. As sensações se ampliam muito, rompendo a casca da ferida provocada por tudo que nos faz falta e não podemos tocar. A carência que surgir tende a ficar ainda mais pontiaguda perto da hora de dormir, quando a lua quadra Lilith, a lua negra, que transita Leão. Nosso corpo então pode reclamar todas as sensações que viemos reprimindo ou fazendo de conta que não existem. E isso é ruim mas é bom. Porque se temos ao nosso alcance o ser por quem o nosso corpo e alma chamam, a carência pode ser imediatamente suprida e transmutada na entrega amorosa. Mas se este ser não estiver disponível, o que vai gritar dentro é justamente esta ausência. Quem sabe não é exatamente esta condição de escassez que criará a ponte entre a vontade e a realização? Quem sabe é a gota que falta para fazer derramar a urgência de uma atitude? Ou a decisão de rumar na direção de quem queremos por perto, ou, se os obstáculos continuarem maiores que o desejo, quem sabe a decisão de se libertar de vez, removendo do coração a placa de ocupado para que ele entenda que talvez o destino tenha algo muito melhor a lhe oferecer. Tempo de maturar tudo isso, aproveitando toda a cura disponibilizada pela lua balsâmica que vem dar desfecho à lunação de Touro. Ao longo da semana, muito provavelmente a partir de quarta-feira, já sob a lua nova de Gêmeos, sentiremos o momento oportuno para enfim comunicar decisões.

As cartas nos trazem a Casa em destaque, influenciada pela Cegonha e pelo Buquê. Tem coisas muito boas chegando para reforçar a nossa segurança emocional. Que a nossa atitude crie a abertura para recebê-las.

E a postagem de hoje vai ao som de Tom Jobim, para a minha filha que leva o nome da composição, minha geminiana linda do dia 23 de maio que carrega no ventre o presente de Júpiter transitando pelo seu ascendente, Câncer, com todos os caminhos se abrindo em flor para esta nova e rica etapa de sua vida: Luiza.

Parabéns, filha! Te amo.
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

Nenhum comentário:

Postar um comentário