Google+ Followers

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

o homem entre o mar e a terra


Olá, queridos!

Estive sumida, mas foi por justa causa... amor demais, ao vivo e em cores. Para quem tem um bem que mora longe como eu, cada minuto do encontro tem que ser deliciosamente sorvido.

Cartas de hoje, dia da Lua, na 2ª hora de Vênus: A Lua (8 de Copas) + as cartas de corte: O Buquê (Rainha de Espadas) e O Cavaleiro (9 de Copas). A carta da lua rege o signo de Câncer, onde temos Júpiter e Lilith em trânsito, e nos fala de honrarias por merecimento, envolvimento emocional na questão, intuição, mistérios. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã. A carta do cavaleiro é regida por Mercúrio, planeta responsável pelos pensamentos e comunicações, e representa o portador de mensagens, aquele que leva e traz, que faz e acontece, que vibra coerência entre palavra e atitude, o guerreiro corajoso e veloz. O nobre cavaleiro carrega ainda a proteção dos Exus e do Arcanjo Miguel.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a Lua crescente em Peixes conjunta a Netuno retrógrado, quadrada a Vênus em Sagitário, oposta a Marte nos últimos graus de Leão, em trígonos com o Sol em Libra e com Nodo Norte em Escorpião. Urano retrógrado em Áries quadra Lilith em Câncer e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Vênus em Sagitário. Lilith em Câncer faz trígonos com Mercúrio e Saturno em Escorpião e quadra o Sol em Libra. Júpiter também quadra o Sol e faz trígono com Mercúrio. Plutão em Capricórnio aplica sextis a Saturno e Nodo Norte escorpianos. Meio do Céu em Capricórnio e Ascendente em Áries na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cresce em Peixes e faz conjunção com Netuno, a oitava superior de Vênus. Aspecto que aciona a atmosfera do lúdico, com sonho, poesia, amor e romantismo em alta, não fosse pelo detalhe dela estar oposta a Marte e quadrada a Vênus. Apesar das quadraturas e oposições serem vantajosas para exercitar os conflitos e transformá-los, o prazer pode ficar obscurecido, deixando-nos um pouco desnorteados e confusos. Uma certa insatisfação pode ser sentida no ar. Essa configuração nos chama mais uma vez ao mergulho curador. Há muita sensibilidade disponível, e ela pode nos levar para o lado criativo ou para o azedume da insatisfação, depende da disposição interna de cada um. Muito ainda há para ser resolvido internamente antes de tomar decisões, e talvez todas as peças do quebra-cabeças ainda não estejam disponíveis e nem a disposição mental esteja acurada para montá-lo. Melhor aguardar um panorama mais lúcido que por certo virá, tudo a seu tempo. Por enquanto, coloque o foco no sentir. "O coração tem razões que a própria razão desconhece" (Blaise Pascal). Sim, o sentimento é muito mais sábio do que toda a nossa bagagem intelectual, porque é ele quem determina a vontade pura que nos comanda. E não há nada de complicado aí, é muito mais simples do que parece saber o que nos move, o que queremos, e especialmente com quem queremos estar. Para isso é preciso prestar atenção na essência e ser honesto consigo mesmo. Então relaxe em primeiro lugar, deixe que o sentimento te conte tudo que ele sabe sobre você e eu aposto que então as suas escolhas finalmente serão certeiras, colocando o fluxo das águas de volta no leito destinado a elas. Esta é a outra inteligência, a emocional, para a qual todos nós viemos equipados, mas só comos capazes de compreendê-la quando o nosso olhar já entendeu o encanto que faz casa no coração.

As cartas nos trazem a senhora lua em destaque, nos convidando à compreensão dos mistérios que são o ouro da nossa constituição. Para nos ajudar a decifrá-los com sabedoria, o nobre cavaleiro nos presenteia com a gentileza do buquê. Algum bom recado ou lembrança há de fazer a diferença que importa. Fiquem atentos aos sonhos também!

Deixo hoje pra vocês um tema que eu amo e que tem tudo a ver com Lua e Netuno piscianos de mãos dadas. De Dori Caymmi, O homem entre o mar e a terra.

Gratidão imensa!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

Nenhum comentário:

Postar um comentário