Google+ Followers

segunda-feira, 31 de março de 2014

um abraçaço


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia da Lua, na 2ª hora de Júpiter: O Sol (Ás de Ouros) + as cartas de corte: O Sol (de novo!) e A Cartinha (7 de Espadas). A carta do sol rege o signo de Leão, onde temos Lilith em trânsito, e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá. A carta da cartinha rege a casa III da mandala astrológica, lugar de regência de Mercúrio, o planeta das comunicações e das trocas, e nos fala sobre convites, notícias, mensagens, avisos, sonhos.

Aspectos do Céu:
A lua nova em Áries se opõe a Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e faz sextil com Vênus em Aquário. Logo mais, às 17h08, ela fica fora de curso (vazia de aspectos) e assim permanece até a madrugada de amanhã, às 02h21, quando entra em Touro na quadratura em T com Lilith em Leão e Nodo Norte em Libra e em sextil com o seu dispositor, Vênus. Sol e Urano conjuntos em Áries fazem quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio. Mercúrio em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer. Vênus em Aquário quadra Saturno R em Escorpião e faz trígonos com Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. Nodo Norte em Libra quadra Lilith em Leão. Meio do Céu em Touro e Ascendente em Leão na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova ariana faz exercício de oposição a Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e se harmoniza com Vênus em Aquário. Logo mais, às 17h08, ela fica fora de curso (vazia de aspectos) e assim permanece até a madrugada de amanhã, às 02h21, quando entra em Touro em conflito com Lilith em Leão e Nodo Norte em Libra e em harmonia com o seu dispositor, Vênus.

O astral solta fogo pelas ventas e, nesta configuração, ganha quem consegue flanar um nível acima, aproveitando as oportunidades que se anunciam como rápidos lampejos e ao mesmo tempo se livrando do fogo cruzado rasteiro. O convite é para o crescimento, para adentrar um patamar mais elevado, menos mesquinho. A prova é para todos nós, rico aprendizado. Desde ontem, com o início da lunação de Áries, tenho visto discussões completamente sem sentido, nas quais as pessoas envolvidas querem fazer valer na marra suas rígidas certezas e perdem completamente a postura do diálogo, sem contar as ofensas e ameaças trocadas. E olha que nem é caso de vida ou morte, quando poderia até ser natural alguém perder a cabeça, vá lá. Taí, Áries rege a cabeça e a dita cuja é a bola da vez mesmo. Bem dura, diga-se de passagem. Há tempos não presenciava embates tão egóicos. Fiquei imaginando como devia estar a energia dos envolvidos naquele momento, cada um atrás da sua tela com acesso à arena virtual. E o quadro que se desenhou foi de caras bem feias, com bocas secas, línguas mordidas, olhos arregalados, corações batucando a garganta e até fumacinha saindo pelo alto da cabeça, chaminé da raiva. Imagina se o monitor por alguns segundos se transformasse em espelho? Imagina o susto em dar de cara com o próprio monstro? Então fui além na reflexão e entendi que essa postura altamente competitiva nada mais é do que reflexo dos chips implantados em nós ao longo da vida, privilegiando padrões que premiam notas altas e reprimem as abaixo da média com a nuvem do fracasso. Maldições lançadas o tempo todo pelo sistema capitalista e que ficam grudadas na carcaça, cultivando a crença de que só os melhores vencem, mas deturpando totalmente a noção do que é melhor. Melhor por que, para que e para quem? Quem disse que tudo aquilo que você aprendeu no banco da escola, na empresa que trabalha ou na religião que frequenta é o certo ou o melhor para todo mundo? Quem disse que você não pode aprender com as outras pessoas? Quem disse que só você sabe o que é bom, bonito ou correto? Peraí, gente! Esvaziar as certezas é o pedido principal do momento. Inclusive é esta a maior e mais comentada indisposição do céu, a complicada quadratura entre os gigantes em posições cardinais (Urano, Júpiter, Plutão) encaminhando-se para a formação da grande cruz cardinal com a entrada de Marte no conflito também. Sinto informar que rigidez não combina em nada com esse quadro, viu? Marte em Libra, por menos dignidades tenha por lá, pede flexibilidade, respeito, diálogo, ponte. Lá do outro lado, no exercício de oposição e de complementação, Urano em Áries pede jogo de cintura e abertura para o novo. A outra haste da cruz, Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio, pede transformação interna profunda, praticamente uma formatação nos registros desde as origens, para resultar num novo ser. Transformação do mundo interno e do externo por consequência. Março termina hoje, abril chega amanhã repleto de desafios. Quem não se abrir em uma postura mais humana e menos preocupada com e tão somente com o próprio umbigo, vai ter trabalho dobrado para livrar os ombros dessa cruz. Menos certeza, mais amor, mais compreensão, mais humildade e aprendizado nas trocas. Mais gentileza, por favor. Não se esqueça: tudo que você lançar ao outro terá de volta com uma rapidez nunca antes vista. Cuidado com as vidraças.

As cartas nos trazem o Sol duplicado com a cartinha por recheio. A mensagem embutida tem muita força, a força vital do próprio Sol. Que a gente saiba vibrar uma postura mais honesta e respeitosa de um ser para outro ser, saudando a sagrada vida que existe ali, no outro. Somos espelhos com a importante missão de aprender com os relacionamentos. Que imagem você quer ver do outro lado? Pois então capriche!

"Sinto muito, me perdoa, vos amo, sou grata" (Ho'oponopono)

Hoje vamos de Caetano Veloso, com Um Abraçaço.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

domingo, 30 de março de 2014

dance me to the end of love


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia do Sol, na 2ª hora de Mercúrio: Os Lírios (Rei de Espadas) + as cartas de corte: A Chave (8 de Ouros) e A Cegonha (Rainha de Copas). A carta dos Lírios, novamente por aqui e no lugar de destaque outra vez, é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta da chave é regida pelo Sol e nos diz que temos a solução, a senha para abrir os caminhos está em nossas mãos. Ela nos traz ainda esclarecimentos, revelações. A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso, hoje como padrinho do casamento entre Sol e Lua, todos em conjunção. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Áries em conjunção exata com o Sol e no abraço de Urano, conjunto aos dois. O início da lunação se dá em trígono com Lilith em Leão e na quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio. O dispositor desta lua, Marte, está retrógrado em Libra e em trígono com Vênus em Aquário. Ao fim do dia, às 23h45, a lua inicia oposição a Marte R em Libra. Mercúrio em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer e sextil com Plutão em Capricórnio. Às 17h14 Mercúrio desfaz o trígono com Júpiter. Às 21h31 Mercúrio inicia um trígono com Saturno R em Escorpião. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer. Vênus em Aquário faz trígonos com Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e quadra Saturno R em Escorpião. Nodo Norte em Libra quadra Lilith em Leão. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Leão na hora do início da lunação e da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
Enfim faz-se o casamento da Lua e do Sol, em Áries, primeiro signo de fogo, abrindo as portas da primeira lunação do ano astrológico, sob as bênçãos de Urano em conjunção com o casal, em harmonia com Lilith em Leão, segundo signo de fogo, e em meio ao conflito dos gigantes Urano, Júpiter e Plutão. Podemos dizer que agora sim, a roda gira efetivamente, nos apresentando a vibração inicial do ano de 2014. A lunação se dá no dia regido pelo Sol e na hora planetária de Mercúrio, aumentando o potencial ígneo, já bastante elevado, e acelerando também a comunicação. O dispositor desta lua, Marte, está retrógrado em Libra, segundo domicílio de Vênus, e em trígono com a própria Vênus em Aquário. No finalzinho da noite de hoje, a lua inicia oposição com Marte, seu dispositor.

Sim, tudo indica que teremos poderosos desafios na área dos relacionamentos, mais uma vez na intenção de transformar, como uma receita de bolo ainda crua, que precisa passar pelo forno para atingir seu objetivo, vir a ser de fato. E a coisa toda vai acontecer muito rápido, com a irreverência de Urano apadrinhando a nova trajetória da lua, é preciso estar atento e forte para não perder o bonde da história. Quem não for igualmente veloz para aproveitar as oportunidades inusitadas, quando der por si, já foi. Isso vale para tudo a partir de agora e especialmente durante as quatro semanas que se seguem, até a lua nova de Touro no dia 29/04, com eclipse anular do Sol. A vida tende a acontecer muito apressada até lá, com um astral agitado, nervoso, impulsivo e altamente criativo e apaixonante. Mas há muito fogo de palha aí também. Uma certa ingenuidade burra paira no ar e podemos facilmente ser enganados ou nos enganar, tropeçar na própria pressa. Quem manda nesta lunação é Marte, o guerreiro em processo de revisão, com o impulso totalmente voltado para dentro e testando o próprio equilíbrio no picadeiro de Libra, onde perde suas dignidades. Então vamos pensar juntos: qual é o grande exercício oculto na alma dessa poderosa fogueira? É descobrir o que arde dentro com força suficiente para impulsionar a transformação do ser, mas ao mesmo tempo com o domínio desta força para não sair atropelando o mundo e de antemão esmagar a semente ainda frágil do que se quer conquistar. Difícil, né? A inteligência emocional será bravamente testada e quem passar no teste terá não só aprendido um tanto mais sobre alquimia, mas também o prêmio da transformação em sintonia com o pedido do céu, aproveitando os conflitos para entender o que não está bacana e, de preferência em conjunto com as pessoas que realmente importam como parceiros, alcançar um novo patamar, mais harmônico e satisfatório para todos os envolvidos. Muitas verdades, nuas e cruas, virão à tona. Onde houver a presença do amor, elas trarão solução. Que saibamos aproveitar o melhor desse astral incendiado, potencialmente milagroso e cheio de luz, amém.

É claro que não foi por acaso que a carta dos Lírios chegou no destaque de novo, desta vez influenciada pela Chave e pela Cegonha. Estamos de mudança, queridos, todos nós. A Chave já está em nossas mãos e a Cegonha nos empurra, com sua peculiar irreverência, para o novo, porque é para melhor e boas surpresas nos aguardam. Mas não podemos esquecer da necessidade de ajuntar amorosidade, serenidade e maturidade ao processo, sob o risco de perder os frutos ao final.

Que todo esse fogo ofertado pelo céu nos encha de vontade de acertar os ponteiros, primeiro com a gente mesmo, com a nossa contradição interna, depois com quem merece a nossa estima e presença, aqui e agora.

Hoje vamos de Leonard Cohen, por Madeleine Peyroux: Dance Me To The End Of Love.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

sábado, 29 de março de 2014

alegre menina


Olá, queridos!

Antes de mais nada, me perdoem o sumiço. Foi por justíssimas causas, uma atrás da outra. Minha vida anda numa correria louca e, quer saber? Tô gostando bem disso. Só preciso me organizar melhor, porque as demandas têm chegado de surpresa. No mais, muita alegria para agradecer, amém!

Cartas de hoje, dia de Saturno, na 2ª hora de Marte: Os Lírios (Rei de Espadas) + as cartas de corte: O Buquê (Rainha de Espadas) e Os Pássaros (7 de Ouros). A carta dos Lírios é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê. A carta dos pássaros é regida por Urano, o planeta irreverente que nos traz as coisas de surpresa e regente de Aquário, onde temos Vênus em trânsito, e representa romance, alegrias, conversas entre pessoas queridas, leveza, noção de pertencimento, comunicações.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua balsâmica (final da fase minguante) em Peixes fora de curso (vazia de aspectos) desde às 10h45 e até às 22h55, quando entra em Áries para virar nova amanhã à tarde, às 15h46. Ao ficar vazia, a lua estava conjunta a Mercúrio e em trígono com Saturno R em Escorpião. À noite, ao entrar em Áries, ela já inicia conjunção com o Sol e faz trígono com Lilith em Leão. Mercúrio em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer e sextil com Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes também faz trígono com Júpiter em Câncer. Vênus em Aquário quadra Saturno R em Escorpião e faz trígono com Marte R em Libra. Plutão em Capricórnio faz quadratura em T com Sol e Urano conjuntos em Áries e Júpiter em Câncer. Nodo Norte em Libra quadra Lilith em Leão. Lilith em Leão faz trígono com o Sol em Áries. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Leão na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua balsâmica (final da fase minguante) percorre os últimos graus de Peixes fora de curso praticamente durante todo o sábado. À noite, às 22h55, ela entra em Áries para virar nova amanhã à tarde, às 15h46, e dar início à primeira lunação do ano novo astrológico abraçada ao Sol e a Urano e em trígono com Lilith em Leão, enquanto Marte R, seu dispositor, lá em Libra, 2º domicílio de Vênus, faz trígono com a própria Vênus, em Aquário.

O céu nos envia suas bênçãos neste finalzinho da lunação de Peixes, facilitando o entendimento nas parcerias amorosas e motivando o diálogo elevado de forma geral. As quadraturas também estão vigentes, nos desafiando, mas os aspectos harmônicos nos auxiliam e nos abrem oportunidades de escolher a via amorosa para transpor qualquer dificuldade que se apresente. Marte e Vênus estão aliados e, embora Saturno exerça pressão sobre Vênus, temos uma vibração muito positiva no ar. Basta que a gente saiba escolher a energia com a qual queremos nos afinar. E tem mais! Saturno em revisão quer mais é selar compromisso com as parcerias que conseguiram resistir às provas difíceis dos últimos tempos. Estamos em plena maré vazante, hora de firmar intenções para a lua nova que chega já já, incendiando o céu com a lunação ariana dando o pontapé inicial no novo ano astrológico. O sábado nos convida à contemplação, pedindo que deixemos assentar dentro as nossas mais caras motivações, num exercício de agradecimento por todas as conquistas até aqui e também na observação acurada dos sentimentos. Para aonde eles nos chamam? O que é que o coração quer de verdade? É a partir destas considerações que podemos escolher as sementes que devemos plantar para cuidar na nova lunação, lunação de fogo, entusiasmada e nervosa também, no olho do furacão da quadratura dos gigantes poderosos que impulsiona as mudanças dentro e fora de nós. Mais uma vez vale a observação para ficarmos atentos às oportunidades que se apresentarão com muita rapidez e precisaremos ser igualmente velozes para não perdê-las. Quando nos aliamos à vibração do céu, temos mais chance de promover as transformações em nós em harmonia, respeitando a tendência sugerida pela configuração astral, como o bom surfista que aproveita por completo a força da onda.

As cartas nos trazem os Lírios (Lua) em destaque, influenciados pelo Buquê (Júpiter) e pelos Pássaros (Urano). A tiragem combina perfeitamente com o meu estado de espírito, em imensa gratidão e paz de espírito pelos momentos gratificantes e surpreendentes vividos. Desejo o mesmo para vocês todos: que as boas surpresas os visitem, trazendo paz, harmonia e muito amor ao coração.

Hoje vamos de Dori Caymmi, com Alegre Menina.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

segunda-feira, 24 de março de 2014

esquadros


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia da Lua, na 2ª hora de Júpiter: A Cegonha (Rainha de Copas) + as cartas de corte: A Cegonha (de novo!) e O Anel (Ás de Paus). A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos o próprio Sol e Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor. A carta do anel rege o signo de Touro, 1º domicílio de Vênus, e representa as nossas parcerias amorosas e sociedades.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua minguante em Capricórnio em conjunção exata com Plutão e, junto com ele, envolvida na quadratura em T com Urano em Áries e Júpiter em Câncer. A lua faz ainda sextil com Mercúrio em Peixes. Às 22h35 a lua inicia um sextil com seu dispositor, Saturno R em Escorpião, que até lá está sem aspectos. Mais tarde, às 22h54, a lua inicia quadratura com Marte R em Libra, também sem aspectos até lá. Nodo Norte em Libra, conjunto a Marte R, faz quadratura com Lilith em Leão. Marte R em Libra está sem aspectos. Lilith em Leão faz trígono com o Sol em Áries. Júpiter em Câncer quadra o Sol em Áries e faz trígonos com Mercúrio e Netuno conjuntos em Peixes. Vênus em Aquário está sem aspectos. Meio do Céu em Touro e Ascendente em Leão na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua minguante em Capricórnio está no abraço de Plutão e, junto com ele, diretamente envolvida na quadratura em T com Urano e Júpiter. Ela se harmoniza com Mercúrio e mais tarde também com seu dispositor, Saturno. No fim da noite ela se indispõe com Marte. Com a fase minguante, que vai até dia 30, chegamos ao desfecho da lunação pisciana com quem atravessamos o portal do ano astrológico. Hora de abrir as comportas e deixar escoar para receber a lua nova de Áries com o fundo do poço limpinho. Esta é a primeira lua minguante do novo ano astrológico e de cara ela encontra Plutão no reino das cabras, poderosa e desafiada por Urano, que não quer saber de nada requentado. Júpiter atiça o conflito, talvez exatamente para que ele se torne insuportável e as coisas se encaminhem enfim para a resolução. Por outro lado, é o próprio Júpiter que também oferece a saída, expandindo os valores essenciais, valores da alma e de sua ancestralidade (casa IV/Câncer/emoções primeiras). A alma conhece a missão, ainda que a mensagem esteja cifrada. Mercúrio em Peixes, entre Netuno e Kíron e conjunto aos dois, vai na contramão da racionalidade que se espera dele e quer nos ensinar uma nova linguagem, justamente aquela que fala à alma. Enquanto isso, os dois retrógrados do céu, Marte e Saturno, estão sem aspectos até mais tarde, quando a lua os aciona novamente. Primeiro harmoniosamente com Saturno R, seu regente. Depois com Marte R, em conflito. Com Saturno ela se alia em responsabilidade pelo que pode ter sido negligenciado no passado e aguarda comprometimento. Coisas de alma, já que Saturno atravessa Escorpião. Com Marte ela se estranha, na tentativa de fazê-lo enxergar o que precisa refazer. Quem sabe a própria dignidade perdida, como a coragem de assumir e escolher por si mesmo de que lado quer ficar, sem se importar com a aprovação alheia? Desafio para os fortes! A saída está em algum lugar nos nossos registros internos e quanto mais centrados mais capazes seremos de encontrar o ponto de mutação. A mudança é inevitável, mas podemos escolher entre empreendê-la ou sermos arrastados por ela. E vejam bem, esta escolha é importantíssima, porque ela nos distingue entre alguém que está com a mão sobre o cetro, rei de si mesmo, e alguém que entrega o próprio poder em outras mãos. Todo mundo quer a primeira opção, mas para merecê-la é preciso despertar a coragem, o eu guerreiro. Fazer escolhas é correr riscos, é admitir o humano em si, passível de falhas mas também merecedor de conquistas, fazedor da própria história.

E não é este o processo pelo qual todos nós estamos passando? Quanto mais sabemos, mais esponjas somos do conhecimento. E é claro que essa busca nos esvazia das certezas. Somos contradições perambulantes até que estejamos tão unos com o coração que a mente tenha bem menos chances de nos pregar peças. Sabemos o que queremos e a vida nos testa, é claro, porque lá em algum lugar do nosso poço profundo ecoa a voz impiedosa da nossas memórias, sugerindo que não somos merecedores. Continuo acreditando que confiar é o caminho da conquista daquilo que queremos. Mas é claro que temos que viver com entusiasmo e gratidão os nossos dias mesmo que ainda não pisemos o chão ideal, aquele com o qual sonhamos. Porque se a gente deixa de fazer as coisas com paixão, a gente também deixa de acreditar. O universo entende que a gente nem quer mais, desistiu. E quem desiste morre mais depressa. Também vivo esse paradoxo. Muitos de nós, acredito. Meus sonhos me movem e por vezes me pergunto se não estou sonhando errado. Faz parte. Também temos a chance de mudar de ideia se quisermos. Mas o coração reconhece e agradece cada contrato refeito (da gente com a gente mesmo) na direção da nossa missão. O corpo inteiro vibra em luz e a gente aprende a poderosa diferença entre alegria e felicidade.

As cartas nos trazem a Cegonha em destaque e duplicada, com o Anel por recheio. Essa aliança é com a gente mesmo, assumindo e liderando a mudança em nós. É assim que a vida se renova verdadeiramente.

Hoje vamos de Adriana Calcanhoto, com Esquadros.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

sexta-feira, 21 de março de 2014

tudo foi feito pelo sol


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Vênus, na 2ª hora de Marte: O Sol (Ás de Ouros) + as cartas de corte: A Cegonha (Rainha de Copas) e O Cavaleiro (9 de Copas). A carta do sol, pela terceira vez seguida por aqui e hoje novamente em destaque, rege o signo de Leão, onde temos Lilith em trânsito, e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá. A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos o próprio Sol e Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor. A carta do cavaleiro é regida por Mercúrio, planeta responsável pelos pensamentos e comunicações, e representa o portador de mensagens, aquele que leva e traz, que faz e acontece, que vibra coerência entre palavra e atitude, o guerreiro corajoso e veloz. O nobre cavaleiro carrega ainda a proteção dos Exus e do Arcanjo Miguel.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua cheia em Sagitário ativando o grande trígono de fogo com Sol em Áries e Lilith em Leão e quadrada a Mercúrio e Netuno conjuntos em Peixes. Às 22h07 a lua também inicia um trígono com Urano em Áries. Saturno R em Escorpião está sem aspectos. Nodo Norte em Libra e conjunto a Marte R quadra Lilith em Leão. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Netuno em Peixes. Urano em Áries faz sextil com Vênus em Aquário. Meio do Céu em Câncer e Ascendente em Libra na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cheia chega em Sagitário e ativa o grande trígono de fogo com Sol e Lilith, mas se desarmoniza com Mercúrio e Netuno conjuntos. Mais tarde, às 22h07, ela ganha mais um aliado, Urano, também em signo de fogo. A noite de sexta-feira, dia de Vênus, derrama criatividade, com impetuosidade, alegria e otimismo de sobra, mas pede um certo cuidado nas comunicações. Corremos o risco de nos antecipar na fala ou de sermos mal interpretados. Mais uma vez, e ainda mais em dia de Vênus, vale a receitinha de acrescentar uma generosa pitada de amor aos diálogos, controlando o ímpeto especialmente se a situação for delicada e sujeita à recepção confusa. Quando nos colocamos no lugar do outro as trocas sempre ficam mais fáceis. Também devemos ficar mais atentos à quantidade ingerida de bebidas e substâncias que alteram a consciência. A combinação de noite de sexta com o clima festivo e fogoso do céu é um convite ao exagero e, com a quadratura Lua x Netuno, fica muito fácil perder a medida e acabar com a festa. No mais, temos hoje um baita estímulo para resgatar o entusiamo em nossas vidas. Nada mal para um começo de ano astrológico, com a autoestima nas alturas para dar início aos projetos de toda ordem e aumentar consideravelmente a nossa fé. Por falar em fé, este também é um momento excepcional para as comunicações com o alto, com ajuda do fogo em profusão, o elemento da evolução e da mudança despertando o nosso próprio poder ígneo. A fé nada mais é do que a confiança absoluta nos nossos intentos, confiança que nos torna corajosos para acreditar que somos merecedores. Essa atitude interna de cara já conquista muitos pontos no caminho da realização. Ao acreditar no deus que habita o centro do nosso ser, alcançamos o milagre de habitar o sagrado. É lá que as coisas se transformam.

As cartas nos trazem de presente o abençoado Sol em destaque, pela terceira vez seguida por aqui, hoje influenciado pela Cegonha e pelo Cavaleiro. O que será que ainda falta para que os nossos caminhos se abram verdadeiramente? A vida insiste em nos surpreender para renovar e melhorar tudo. Vamos ficar atentos para entender a mensagem que nos alcança, porque pelo jeito só falta a gente acreditar. Deixemos o sol entrar, curar, renovar, abençoar e então o caminho se fará límpido à nossa frente.

Hoje vamos de Os Mutantes, com Tudo Foi Feito Pelo Sol.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

quinta-feira, 20 de março de 2014

menina, menino


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Júpiter, na 2ª hora do Sol: A Criança (Príncipe de Espadas) + as cartas de corte: O Buquê (Rainha de Espadas) e O Sol (Ás de Ouros). A carta da criança rege a casa V da mandala astrológica, casa dos prazeres, da criatividade e dos filhos, e representa pureza, espontaneidade, inocência, alegria, caminhos abertos, energia criativa, novidades e renovação. A Criança carrega a proteção dos Erês. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê. A carta do sol, de novo hoje por aqui, rege o signo de Leão, onde temos Lilith em trânsito, e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua cheia em Escorpião conjunta a Saturno R, quadrada a Vênus em Aquário e em sextil com Plutão em Capricórnio. Às 16h47 a lua desfaz o sextil com o seu dispositor, Plutão. Às 19h07, já bem mais próxima de Saturno e em trígono com o Sol, a lua se livra da quadratura com Vênus. Nos primeiros minutos da madrugada, às 00h13, a lua faz conjunção exata com Saturno R e fica fora de curso até às 12h40, quando ingressa Sagitário. Nodo Norte em Libra conjunto a Marte R quadra Lilith em Leão e faz trígono com Mercúrio em Peixes. Às 18h35 Nodo Norte e Mercúrio desfazem o trígono. Lilith em Leão faz trígono com o Sol em Áries. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Netuno em Peixes. Urano em Áries faz sextil com Vênus em Aquário. Sol em Áries faz trígono com Saturno R em Escorpião. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Leão na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cheia escorpiana está num papo muito sério com Saturno, o senhor do tempo em revisão. A conversa parece girar em torno de relacionamentos, já que Lua e Vênus se estranham no exercício de quadratura com dois poderosos a lhes dar sustentação; a lua recebe a força de seu dispositor, Plutão. Vênus também recebe a força de seu dispositor, Urano. Urano e Plutão estão no cabo de guerra faz muito tempo. Os dois querem transformar, mas Plutão quer reformar e Urano quer derrubar tudo e construir de novo. Quem será que vence? O páreo é duro entre os dois gigantes poderosos. Mas pelo menos hoje é o novo que ganha pontos, com a força da virada do ano astrológico junto com a mudança de estação. E tem mais! No momento em que o Sol atravessou a fronteira, Áries, o signo que faz a roda dos doze signos girar outra vez, estava no pico do mundo. Embora ao ingressar o Sol ainda estivesse na casa IX (casa de Júpiter), o Meio do Céu estava cravado em Áries, com Urano morando lá. E ainda tem mais. O signo que ascendia no horizonte dos novos tempos era Câncer, onde Júpiter faz morada. Caramba! Quem pode duvidar da força do novo depois desse recado do céu? Júpiter expande a força do primeiro fogo, donde se conclui também que teremos um ano bastante agitado, além de exagerado em todas as direções, para o bem e para o mal. E temos uma responsabilidade imensa em tudo isso. A escolha do cenário que vai nos abraçar depende muito da nossa escolha de pensamentos e atitudes. E Áries rege a cabeça, mas se você pensa que a cabeça pensa antes de agir, que nada. O danado é fogo puro, afobado. Quando vê já foi, já fez. Áries é umbigo, é a força do eu. São portanto as nossas individualidades que estão sentadas no trono agora, com um poder de fogo impressionante. A sentença "Querer é poder" entra na ordem dos dias. Não é à toa que, em pleno clima de festa, Saturno está em conferência com a Lua, para que ela possa levar o recado em seu giro pelos signos. Há que se ter muita responsabilidade com o que se deseja, porque há muita força de criação disponível. Sabendo disso desde já, vamos tratar de esparramar boas vibrações por aí e vigiar pensamentos e atitudes para não colocar vida no lugar errado. Sejamos soberanos, mas generosos. É assim que o amor e a prosperidade encontrarão a via para expandir o nosso novo caminho.

As cartas nos trazem, vejam só, a Criança em destaque, influenciada pelo Buquê (Júpiter) e o próprio Sol, que fez questão de aparecer outra vez. O novo chega com muita, muita força. E ainda por cima tem a sorte como aliada. Juízo, crianças... cuidado com o que pedem. É na pureza que a força de realização ganha ainda mais poder. A criança ainda não foi contaminada pelos insistentes desestímulos à coragem que sofremos ao longo da vida, então ela pensa que pode tudo, e pode mesmo. Porque tudo que ela fala e faz vem direto do coração, eis o grande segredo. Ela tem até licença para acessar o poderoso mundo da imaginação, escolher as cores para pintar o seu mundo e brincar com amigos imaginários, pensa bem que privilégio! Por outro lado, a criança não tem preocupações além do próprio umbigo. Que saibamos temperar isso para não cair no egoísmo ou na perigosa ingenuidade, duas das fortes faces do signo de Áries também.

Hoje vamos de Adriana Calcanhoto, com Menina, Menino.

Parabéns a todos os arianos!
Feliz ano novo, pra você e pra mim!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

quarta-feira, 19 de março de 2014

águas de março


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Mercúrio, na 2ª hora de Marte: O Sol (Ás de Ouros) + as cartas de corte: A Lua (8 de Copas) e A Torre (6 de Espadas). A carta do sol rege o signo de Leão, onde temos Lilith em trânsito, e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá. A carta da lua rege o signo de Câncer, onde temos Júpiter em trânsito, e nos fala de honrarias por merecimento, envolvimento emocional na questão, intuição, mistérios e sombras. A carta da torre é regida por Saturno, pai e senhor do signo de Capricórnio, e representa o nosso interior, nosso mundo interno, propósitos e ideais da alma, bem como uma postura mais reservada. É uma carta de muita proteção espiritual, ela faz a ponte entre o que está em cima e o que está embaixo.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua cheia em Escorpião quadrando Lilith em Leão e Vênus em Aquário e ativando o grande trígono das águas com Júpiter em Câncer e Mercúrio e Netuno conjuntos em Peixes. Às 20h45 a lua inicia também um sextil com Plutão em Capricórnio. Às 21h19 a lua desfaz a quadratura com Lilith. Nodo Norte em Libra conjunto a Marte R quadra Lilith em Leão e faz trígono com Mercúrio em Peixes. Lilith em Leão faz trígono com o Sol nos últimos graus de Peixes. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio. Urano em Áries faz sextil com Vênus em Aquário. Sol faz trígono com Saturno R em Escorpião. Amanhã à tarde, às 13h57, o Sol entra em Áries, inaugurando o novo ano astrológico em dia de Júpiter e na hora planetária de Júpiter. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Virgem na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cheia em Escorpião se estranha com as outras duas representantes femininas do céu, Lilith e Vênus, mas ativa o grande trígono das águas com Júpiter, Netuno e Mercúrio. Mais tarde ela também se harmoniza com Plutão e se livra da quadratura com Lilith. Chegamos ao último dia do Sol em Peixes e consequentemente ao último dia do ano astrológico. Amanhã, às 13h57, o Sol entra em Áries, inaugurando um novo ciclo em pleno dia e hora planetária de Júpiter, o grande benéfico do céu. Temos uma grande força no astral de hoje para exercer o desapego de tudo que não tem mais vez e voz em nossas vidas, com intuição super ativada e ajuda poderosa da união das águas (sentimentos). Céu de muita intensidade nesta mudança de ano astrológico, com a lua feiticeira nos enchendo de poder para atravessar o portal sem bagagens desnecessárias. Escorpião carrega o dom transformador e, mesmo diante do sofrimento, sabe bem encarar a morte e deixar que ela aniquile os sentimentos tortos para que a vida encontre espaço pra recomeçar. Depois de esvaziar toda a taça e quase ir embora junto com a intensidade emocional no último volume, qual fênix, a ave mitológica, renasce vigorosamente das cinzas e segue em frente sem olhar para trás. Esse é o convite que o astral de hoje nos traz, para que o novo tenha espaço para nos invadir também. A noite pede mergulho no vasto e complicado mundo de dentro com disposição para pescar os entulhos que nos turvam a alma, salvando-nos da desastrosa poluição interna.

Mercúrio, o mensageiro alado, também está mergulhado, atravessando o signo de Peixes e de mãos dadas com Netuno. A linguagem está muito mais afinada com a alma em todos nós. Ficamos todos mais lúdicos, poetas, profetas. Ganha quem já conseguiu construir a ponte entre cabeça e coração, elevando a comunicação à sua oitava superior. Menos é mais. Estamos mais sujeitos aos enganos também. Mercúrio é da terra e do ar, no mar ele se perde, fica subjetivo, nos enreda no canto da sereia. Para evitar ilusões, devemos prestar muito mais atenção aos coadjuvantes da palavra, decifrando intenções nos gestos e olhares, ou nas entrelinhas das nossas leituras. A linguagem agora é de cinema, poesia, música, mímica, fantasia. Encanta e ilude quase na mesma proporção. Em compensação chegamos mais perto da língua dos anjos e os intentos ganham força para atravessar os véus. Vá pelo caminho da fé, cocrie com requintes os seus sonhos. Imagine-se já vivendo o que tanto quer viver, deixe as sensações tomarem conta do seu ser, acredite. Uma cocriação feita de todo coração resulta no milagre da realização. Aproveite. O mar está para peixe, o céu também. Reforce hoje seus intentos, os mais profundos. Amanhã eles serão lançados pela boca do dragão, contagiados pelo fogo criativo de Áries, o primeiro, com toda força e pureza de intenções.

Hoje é dia das enchentes de São José, embora aqui não tenha caído uma gota sequer, são as águas que fecham o verão. Amanhã, junto com a entrada do sol em Áries, se dá o equinócio de outono aqui no hemisfério sul, equalizando dia e noite, sombra e luz, e inaugurando também uma nova estação. Momento de agradecer às nossas colheitas e honrar a tudo que nos acolhe para atravessar noites mais longas e frias durante os meses de outono e inverno. Dia de ação de graças do povo pagão.

As cartas nos trazem o Sol em destaque, influenciado pela Lua e pela Torre, nos pedindo a interioração necessária para equilibrar sombra e luz. Há muita cura à disposição. Que saibamos fazer bom proveito.

É claro que hoje vamos de Tom Jobim e Elis Regina, com a lindíssima Águas de Março.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

domingo, 16 de março de 2014

porto


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia do Sol, na 2ª hora do Sol: O Coração (Príncipe de Copas) + as cartas de corte: As Estrelas (6 de Copas) e o Livro (10 de Ouros). A carta do coração rege a casa VII, casa de Libra, 2º domicílio de Vênus, esfera dos nossos relacionamentos íntimos e parcerias, e representa envolvimento emocional, amor e paixão. Marte, o guerreiro planeta da ação transita atualmente neste território, o signo de Libra. O Nodo Norte também. A carta das estrelas rege o signo de Aquário, onde temos Mercúrio e Vênus em trânsito, e representa sorte, recompensa, confiança, fé, esperança, segurança emocional e caminhos abertos, além da proteção do nosso anjo da guarda. A carta do livro rege o signo de Peixes, onde temos Netuno e Sol em trânsito, e representa estudos, projetos, e também mistérios, coisas em segredo.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua praticamente cheia em Virgem oposta ao Sol em Peixes e em sextil com Saturno R em Escorpião. Às 13h46 ela inicia um sextil com Lilith em Leão. Às 14h09 ela atinge o plenilúnio (início da fase cheia) e fica fora de curso até às 21h47, quando ingressa Libra oposta ao Sol e em sextil com Lilith. Lilith em Leão quadra Nodo Norte em Libra e faz trígono com o Sol em Peixes. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Netuno em Peixes. Urano em Áries faz sextil com Vênus em Aquário. Sol em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Mercúrio em Aquário livrou-se da quadratura com Saturno durante a madrugada, às 03h57, e faz trígonos com Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Câncer na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
Em pleno domingo, dia regido pelo Sol e voltado às questões da alma, a lua se faz cheia em Virgem, dentro da lunação de Peixes, encerrando as colheitas do ano astrológico. O plenilúnio se dá em harmonia com Saturno, o senhor do tempo, em revisão no signo que atravessa os portais da vida-morte-vida no processo contínuo de transformação das almas. Por tudo isso, temos a cheia da lua a potencializar os processos do eu, do autoconhecimento e de mais um ciclo que se encerra para que a vida se renove. O que fizemos por nós mesmos nos últimos doze meses? Quanto crescemos e nos enxergamos com olhos mais verdadeiros na busca pelo conhecimento da nossa essência? Quais são os sonhos nutridos que temos a chance de colher efetivamente agora? Quais são as perdas que temos que assumir e deixar ir embora de fato? Olhe para trás, faça o balanço e principalmente agradeça. Desapegue do que não vingou, celebre o que teve força suficiente para romper o chão e se erguer com soberania à sua frente. Tenha em conta agora a suprema força da natureza, que sabe exatamente do que precisamos para cumprir com mestria os planos que traçamos para esta existência terrena. A lua em Virgem livrou o seu dispositor, Mercúrio, da forte cobrança de Saturno. O otimismo é devolvido ao nosso pensamento e às nossas palavras enfim. No eixo Peixes x Virgem buscamos o equilíbrio entre o micro e o macro, fazendo jus à famosa sentença "nem tanto ao mar, nem tanto à terra". E o recado essencial de hoje é: não sejamos mesquinhos, alimentando preocupações extremas apenas com o que podemos ver e tocar. Prestemos mais atenção às coisas sagradas que movem o nosso sentir e que promovem o milagre da potência em nós, com a capacidade de enxergar o mundo inteiro num grão de areia, descortinando os véus que nos impedem de ver com outros olhos e consequentemente de acreditar nas nossas próprias capacidades. Cada um de nós também é uma semente plantada nesse chão abençoado. O que você quer ser quando crescer?

As cartas nos trazem o Coração em destaque, influenciado pelas Estrelas e pelo Livro. Bateu saudade aí da inteireza do seu ser, daquele que você por vezes tem um vislumbre e imagina já ter sido? Guardamos sim esse registro em nós, o somos em potência. Só precisamos acreditar para ter acesso às páginas deste livro de ouro que esquecemos onde foi que escondemos de nós. Encontre-o, encontre-se, dê voz ao seu coração e você terá toda a sabedoria e equilíbrio que precisa para prosseguir. Desperte o seu poder!

E porque ontem à noite fui lembrada desse tesouro por um amigo querido e porque isso sempre faz meu coração sorrir e porque é amor demais e também porque tem tudo a ver com a grandeza de propósitos aqui sugerida, hoje vamos de Dori Caymmi com uma canção que já passou por aqui, mas merece mil vezes bis: Porto.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

sábado, 15 de março de 2014

olinda guanabara


Olá, queridos!

Finalmente cá estou de volta, depois de um breve sumiço. Sabe quando a vida resolve te trazer quase-tudo-ao-mesmo-tempo-agora? Pois é, mais ou menos assim. Meu computador chegou a um estado crítico, por conta da barbeiragem de quem mexeu nele pela última vez. Agora tenho uma máquina praticamente nova, graças a um grande amigo que entende tudo dessas coisas. Aliás, super recomendo os serviços dele. Mas não foi só isso. Sob a gloriosa lua crescente em Leão conjunta ao meu Nodo Norte natal, também recebi um presente muito abençoado e transformador, antecipado pela carta dos Lírios que o Cavaleiro trouxe em destaque na última postagem e que ainda não posso revelar. Sou profundamente grata!

Cartas de hoje, dia de Saturno, na 2ª hora de Vênus: A Casa (♥ Rei de Copas ♥) + as cartas de corte: A Árvore (7 de Copas) e O Buquê (Rainha de Espadas). A carta da casa rege a casa IV da mandala astrológica, casa de Câncer, onde temos Júpiter em trânsito, e representa segurança emocional, equilíbrio, proteção, bem como o nosso eu, o nosso lar, a nossa intimidade e a nossa família. A carta da árvore rege o signo de Virgem, onde temos a lua em trânsito, e nos fala de prosperidade, fortalecimento emocional e bem-aventurança, além de carregar a proteção do orixá das matas, Oxóssi. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua crescente em Virgem oposta ao Sol em Peixes, em sextil com Júpiter em Câncer e em trígono com Plutão em Capricórnio. Às 18h54 a lua desfaz o sextil com Júpiter. Às 21h58, ela inicia um sextil com Saturno. Amanhã, às 14h09, ela se torna cheia e fica imediatamente fora de curso, até às 21h47, quando entra em Libra. Lilith em Leão quadra Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e faz trígono com o Sol em Peixes. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Netuno em Peixes. Urano em Áries faz sextil com Vênus em Aquário. Sol em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Mercúrio em Aquário faz trígonos com Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e quadra Saturno R em Escorpião. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Virgem na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cresce em Virgem em harmonia com Júpiter e Plutão e já em oposição ao Sol. Amanhã à tarde, às 14h06, ela se faz cheia em sextil com Saturno e trígono com Plutão, estruturando as realizações desde a fundação, embaixo e em cima da terra. Chegamos ao ápice desta lunação pisciana, que pode trazer a abençoada concretização dos intentos para quem conseguiu dar conta dos detalhes que compõem o todo almejado. Quem plantou, regou, cuidou, retirando as ervas daninhas que atrapalham o florescimento da semente, por certo já começa a ter sinais inequívocos de sucesso na colheita. Peixes é a emoção máxima, sublime, impossível de conter, dada a sua gigantesca expressão. É o belo que derrama, quase impossível de ser traduzido em palavras. É poesia, é melodia, é a fusão de todas as artes, é o amor em sua oitava superior. É o macro. Virgem é a terra que pisamos todo dia, o suor do trabalho, a rotina preciosa que realiza cada pequena parte do todo, do mundo, da vida. É critério, engrenagem, medida, cuidado. É cada passo que damos na conquista dos nossos sonhos. É o plano detalhado, o projeto. É a fé, a intenção de todo dia na direção de qualquer coisa. É o micro. A lunação de Peixes, que culmina agora com a lua cheia de Virgem, fecha o ano astrológico e de certa forma traz à tona tudo aquilo que plantamos durante os doze meses que o compõem. É o transbordamento das escolhas diárias que fizemos durante o ano que se encerra logo ali na frente, em plena lua cheia, para começar tudo de novo com a entrada do Sol em Áries, o primeiro, dia 20 de março, quinta-feira de Júpiter. A cheia da lua se dá no exercício de oposição dos polos e, nesta em específico, temos a alquimia entre terra e água. É na correta proporção desses elementos que se dá a magia da transformação, merecimento. É no equilíbrio das medidas que terra e água viram berço e alimento para garantir vida longa ao broto e em breve à árvore, com raízes, flores, frutos e ramificações. Nem seca, nem lama. Terra fértil. Vida!

As cartas nos trazem a Casa em destaque, influenciada pela Árvore e pelo Buquê. É vida que se renova prazerosamente, enchendo a alma de encanto e segurança emocional. Lindas surpresas batem à porta. Aqui já chegaram, e aí?

Hoje vamos de Wagner Tiso, com a deliciosamente feliz Olinda Guanabara, aqui interpretada pelo próprio autor e pelos super queridos da Orquestra Popular do Cerrado, coisa nossa, fruto da terra.

Gratidão imensa!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

terça-feira, 11 de março de 2014

canto de oxum


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Marte, na 2ª hora de Mercúrio: Os Lírios (Rei de Espadas) + as cartas de corte: O Cavaleiro (9 de Copas) e Os Caminhos (Rainha de Ouros). A carta dos Lírios é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta do cavaleiro é regida por Mercúrio, planeta responsável pelos pensamentos e comunicações, e representa o portador de mensagens, aquele que leva e traz, que faz e acontece, que vibra coerência entre palavra e atitude, o guerreiro corajoso e veloz. O nobre cavaleiro carrega ainda a proteção dos Exus e do Arcanjo Miguel. A carta dos caminhos rege o signo de Libra, onde temos Marte em trânsito, e nos fala essencialmente de escolhas, mas também da fluência do nosso próprio caminho, de como fazemos a nossa caminhada na vida.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua crescente em Câncer conjunta a Lilith em Leão e fora de curso (vazia de aspectos) desde às 16h52 e até às 23h10, quando entra em Leão. Antes de ficar vazia, envolvida no trígono de água com Sol e Saturno R, ela quadrou Marte R em Libra. Ela entra em Leão conjunta a Lilith, oposta a Vênus em Aquário, quadrada a Marte R e Nodo Norte em Libra e em trígono com o Sol em Peixes. Júpiter em Câncer faz quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio e faz trígono com Netuno em Peixes. Sol em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião e faz trígono com Marte R em Libra. Vênus em Aquário se opõe a Lilith em Leão. Marte R em Libra quadra Lilith em Leão. Meio do Céu em Gêmeos e Ascendente em Virgem na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua crescente nos últimos graus de Câncer e já em conjunção com Lilith em Leão, está fora de curso (vazia de aspectos) desde às 16h52 e assim permanece até às 23h10, quando entra em Leão. Ativando desde ontem o grande trígono das águas com Sol e Saturno, a lua ficou vazia depois de desarmonizar-se com Marte, o guerreiro planeta da ação, em revisão e pouco à vontade no signo de Libra. Razão e emoção medem forças e é no equilíbrio entre as duas que a clareza pode ser encontrada, jogando luz onde o sentimento se corrompe e turva as ideias. Marte e Mercúrio, ambos em signo de ar, se dão as mãos para resgatar a lucidez mergulhada. Mas a lua fora de curso contribui para embaralhar a exatidão do que se quer formular. Melhor deixar a palavra em banho-maria até que a lua entre em Leão mais tarde, em harmonia com o seu dispositor, o Sol. Pensamentos confusos não costumam produzir palavras precisas, e são elas que guardam o dom de realizar. Organize as ideias e as emoções primeiro. Essas duas forças em equilíbrio têm grande poder.

Por aqui, graças aos deuses, correu tudo bem com a cirurgia da minha gatinha, embora ela agora tenha que se ajustar com apenas um rim. Não foi possível salvar o rim esquerdo, judiado pela falta de escoamento. Agora é aguardar a recuperação, com o coração mais tranquilo e fé que tudo vai ficar bem.

As cartas nos trazem os Lírios (Lua) em destaque, influenciados pelo Cavaleiro (Mercúrio) e pelos Caminhos (Libra). Que a nossa palavra sempre escolha a via do amor. Mesmo que o mensageiro se confunda nos caminhos, tudo vai dar certo, promovendo harmonia com a sua entrega. A mensagem é de paz.

Hoje vamos de Vinícius de Moraes e Toquinho, com Canto de Oxum.

Ora iê iê, mamãe Oxum.
Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

segunda-feira, 10 de março de 2014

sonho real


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia da Lua, na 2ª hora da Lua: O Sol (Ás de Ouros) + as cartas de corte: A Cegonha (Rainha de Copas) e O Livro (10 de Ouros). A carta do sol rege o signo de Leão e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá. A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor. A carta do livro rege o signo de Peixes, onde temos Netuno e Sol em trânsito, e representa estudos, projetos, e também mistérios, coisas em segredo.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua crescente em Câncer conjunta a Júpiter, em trígonos com Sol e Netuno em Peixes e em quadratura em T com Urano em Áries e Plutão em Capricórnio. Às 20h21 a lua inicia um trígono com Saturno R, formando o grande trígono de água com ele e o Sol. A noite finda com a lua oposta a Plutão e ativando o trígono das águas. Sol em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião e faz trígono com Marte R em Libra. Vênus em Aquário faz quadratura em T com Lilith em Leão e Nodo Norte em Libra. Às 14h51, Vênus se livra da quadratura com o Nodo Norte. Marte R em Libra quadra Lilith em Leão. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Libra na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua crescente e domiciliada em Câncer troca bênçãos com Júpiter em conjunção, exaltando-o e exaltando-se. Ela ainda se harmoniza com o Sol e pega carona na guerra de titãs (Urano, Júpiter e Plutão). À noite ela ativa o grande trígono das águas, com Saturno em Escorpião e Sol em Peixes. Vênus se livra da quadratura com Nodo Norte, mantendo apenas a oposição com Lilith. O dia tem duas faces, a depender da escolha do freguês. Quem se enredar na energia de carência e postura de vítima, terá exatamente esta vibração negativa como resposta do universo, e de forma exagerada ainda por cima. Já para quem escolheu o lado da gratidão, o dia pode trazer benefícios em dobro, podendo contar com energia de sobra para resolver conflitos e promover mudanças que facilitem o andamento da vida. Para o bem e para o mal, as emoções estão na ordem do dia. Vênus, em exercício de oposição com Lilith, aprende um tanto mais sobre autoestima, nos convidando a lidar com as frustrações do ego para não usar de chantagem nos relacionamentos, que pedem agora exatamente o oposto, uma postura mais leve, com profundo respeito à individualidade do parceiro. Mercúrio, também em Aquário, ainda recebe a pressão de Saturno em marcha a ré, que pede revisão de responsabilidades prometidas e ainda não cumpridas. Para ajudar, Marte, também em revisão, se harmoniza com Mercúrio, oferecendo ajuda para refazer ou finalizar as pendências, com palavra e atitude coerentes. À noite tudo se intensifica com a união benéfica dos signos de água. A emoção se sobrepõe à razão e, com Vênus oposta a Lilith e Lua oposta a Plutão, vai sobrar intensidade nas trocas. Que saibamos dar um rumo criativo às águas escaldantes em profusão. A intuição estará super afiada e, como as segundas-feiras são regidas pela lua e portanto dedicadas ao exercício da fé, podemos aproveitar para ativar a nossa conexão com os poderes invisíveis. A noite também é perfeita para os romances, com paixão de sobra a esquentar os lençóis. Pronto! Já temos pelo menos duas ótimas opções criativas para canalizar a fúria das águas.

As cartas nos trazem o Sol em destaque, influenciado pela Cegonha e pelo Livro. Algo que chega de repente pode revelar alguma surpresa, alguma coisa que já existia mas não percebemos. Algo oculto que se revela e pode melhorar todo o cenário num estalar de dedos. Cura, entendimento, força e abertura de caminhos. Também pode ser a cereja do bolo de algum projeto empacado que finalmente se revela, clareando a ideia geral e viabilizando a execução do mesmo.

Infelizmente, as cartas tiradas mais cedo me revelaram no fim da tarde um diagnóstico ruim na minha bichinha de estimação, internada outra vez, desta vez com uma obstrução no canal de escoamento do rim esquerdo. O lado bom é que o problema que a afligia foi descoberto e pode ser removido. Mais uma cirurgia amanhã. Que São Francisco de Assis a proteja.

Hoje vamos de Lô Borges, com Sonho Real.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

domingo, 9 de março de 2014

quem sabe isso quer dizer amor


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia do Sol, na 2ª hora de Vênus: O Cigano (Ás de Copas) + as cartas de corte: Os Lírios (Rei de Espadas) e O Buquê (Rainha de Espadas). A carta do cigano é regida por Marte e representa os homens que visitam este espaço, bem como o homem mais importante da vida das mulheres desta egrégora. Também temos aí a nossa maneira de agir representada, já que a regência da carta é de Marte. A carta dos Lírios é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua crescente em Câncer já iniciando conjunção com Júpiter e em trígonos com Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e com Netuno em Peixes. À noite, às 19h54, a lua já bem próxima de Júpiter também começa a quadrar Urano. Mais tarde, às 22h04, ela desfaz o trígono com Marte. E às 22h06, na conjunção com Júpiter ela também entra na quadratura em T com Urano e Plutão. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio. Sol em Peixes faz trígono com Saturno R em Escorpião. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião. Mais tarde, às 17h31, Mercúrio inicia um trígono com Marte. Vênus em Aquário faz quadratura em T com Lilith em Leão e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Câncer na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua cresce no emotivo Câncer, já se enroscando em Júpiter e fazendo laços harmônicos com Marte e Netuno. Hoje é domingo, dia do Sol, a essência mais pura em nós, dia de prestar atenção ao chamado da alma. Vênus e Lilith opostas nos convidam a trabalhar o eixo do poder (Leão x Aquário), autoestima x identidade/personalidade nos grupos, o eu e a humanidade, qual é a mensagem que o nosso coração leva adiante? O equilíbrio entre o ego e a expressão humanizada deste ego, o segredo do amor incondicional ou as carências, que nada mais são do que a desarmonia com o próprio umbigo? Ontem, cercada de amigos queridos, as conversas giraram muito sobre essa temática. Falávamos de animais e do instinto natural que eles expressam, uma vez que não racionalizam, só podem agir movidos pelo coração. Nós racionalizamos demais e esquecemos do tesouro maior que guardamos dentro e sempre sabe o caminho. Temos muito a aprender com os bichos no processo de nos transformar em gente. Eles se amam, por isso nos amam incondicionalmente. Aí reside um ensinamento maravilhoso. Quem pode dar aquilo que não conhece? Quem não se ama se arma e, na insegura defesa, machuca o outro. Temos hoje uma oportunidade de ouro para lapidar mais um tanto desse diamante bruto que é a nossa essência. A lua está em casa, o signo de Câncer, nutrida pelo abraço de Júpiter e nos convidando a beber na fonte do acolhimento, por nós mesmos e pelas nossas origens, raízes. O amor pode ser delicado e caprichoso. Ontem também, uma querida, envolvida no aprendizado de ser mãe, me contava sobre o diálogo com o filho pequeno, irritado e emburrado com alguma teimosia e desafiando a paciência dela, naquele momento bem pequena mas que ela conseguiu transmutar, numa lucidez intuitiva que a reconectou à responsabilidade amorosa de promover encantamentos com a palavra. E então ela comunicou a ele sobre o poder que ele carrega dentro. Ao que ele, imediatamente interessado, respondeu com uma pergunta: e se eu gastar muito esse poder, eu fico sem? E ela lançou então o encantamento poderoso: não, meu filho, quanto mais você gastar, mais ele aumenta. Muitos pontos ganhos no aprendizado amoroso, para os dois ao mesmo tempo. Um ser amado dificilmente se deixará machucar vida afora. E a nossa responsabilidade é grande em disseminar, pelo menos no mundo menor e mais restrito que guarda as pessoas mais próximas com as quais temos vínculo estreito, a palavra que constrói. Se cada um de nós criar um mundo mais amoroso na intimidade, um mundo melhor se colocará em andamento para todos nós, oferecendo mais amor e acolhida sincera no amanhã, que é construído no agora pelas nossas atitudes. Afinal, para que viemos equipados com a razão se ela não estiver a serviço do coração?

Hoje também seremos invadidos pela saudade, uma saudade que beira a imensidão de tão grande. Por que não estamos mais perto do que ou quem é tão caro ao coração? Mercúrio faz a ponte com Marte e a lua também, revelando a necessidade de comunicar sentimentos, ir na direção do que concilia e junta, rejunta parcerias importantes demais para se perderem em conflitos motivados pelo ego. Menos egoísmo, mais generosidade nas partilhas embaladas pelo sentimento mais nobre que somos chamados a reconhecer. Que a gente consiga bater uma bola boa entre coração e razão e aproveitar o sumo precioso do amor. O coração é o tambor mais preciso que existe, consagre-o.

As cartas nos trazem Marte (O Cigano/Ás de Copas) em destaque, influenciado pelos Lírios (Lua/Rei de Espadas) e o Buquê (Júpiter/Rainha de Espadas). Que a nossa ação seja resultante da essência amorosa em nós. Que a gente aprenda a distribuir mais gentileza e boas surpresas por aí, na conexão com o poder que aumenta ainda mais quando compartilhado. Que saibamos ser gratos. O outro ângulo de interpretação das cartas, considerando os naipes, mistura razão (Espadas)`e emoção (Coração), motivando exatamente pensamentos e palavras que promovam nutrição dos sentimentos. Vamos encher a taça (Ás de Copas) e não esvaziá-la. A lua é crescente, e o encantamento que eu lanço, de todo o coração, é que toda essa intenção cresça. Que o amor transborde, amém.

A canção de hoje já passou por aqui, mas será repetida com prazer porque contém mensagem muito especial. De Lô Borges e Milton Nascimento, Quem sabe isso quer dizer amor.

Uma semana de muito amor compartilhado pra vocês e pra mim.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

sexta-feira, 7 de março de 2014

é o amor outra vez


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Vênus, na 2ª hora de Vênus: O Buquê (Rainha de Espadas) + as cartas de corte: Os Pássaros (7 de Ouros) e O Anel (Ás de Paus). A carta do buquê é regida por Júpiter, o grande benéfico do astral, e representa sorte, felicidade, mimos, gentileza, belas surpresas e realizações, além da proteção da sábia orixá Nanã Buruquê. A carta dos pássaros é regida por Urano, o planeta irreverente que nos traz as coisas de surpresa e regente de Aquário, onde temos o Sol em trânsito, e representa romance, alegrias, conversas entre pessoas queridas, leveza, noção de pertencimento, comunicações. A carta do anel rege o signo de Touro, 1º domicílio de Vênus, e representa as nossas parcerias amorosas e sociedades.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Gêmeos quadrada a Netuno em Peixes, em sextil com Urano em Áries e em trígono com Vênus em Aquário. Às 15h14, ela desfaz o trígono com Vênus e inicia quadratura com o Sol. Na madrugada, às 03h42, a lua inicia um trígono com seu dispositor, Mercúrio. Às 10h28 ela entra na fase crescente. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio. Sol em Peixes faz trígonos com Júpiter em Câncer e Saturno R em Escorpião e faz sextil com Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno em Escorpião. Vênus em Aquário faz quadratura em T com Lilith em Leão e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Câncer na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova-quase-crescente em Gêmeos se estranha com Netuno e se harmoniza com Urano e Vênus, envolvendo o dia em tórrido romance, sonho e também fantasia. O meio da tarde leva embora o belo aspecto com Vênus, a dona do dia, e traz uma indisposição com o Sol, nos jogando na peleja do exercício entre desejo e necessidade. Como casar as duas coisas para que a realidade sonhada se manifeste? Como apalpar um sonho? Tá aí um bom enigma para a lua comunicadora resolver. Ainda bem que o Sol é pisciano e recebe as bênçãos de Júpiter. A realidade pode não ser assim tão dura enfim. Há espaço pro sonho aí e, para os que conseguem enxergar além, há espaço para a realização também. Quem disse que só existe um mundo real? No mundo imenso e sortido de Netuno então, são muitas as realidades possíveis para quem consegue rasgar os véus. A senha para ver além, já sabemos, é a fé. Enquanto isso o regente desta lua, Mercúrio, continua sob a pressão exigente de Saturno, o senhor do tempo, que pede seriedade nas trocas. De madrugada, às 03h42, Mercúrio e Lua se harmonizam. E amanhã de manhã, às 10h28, ela alcança a fase crescente para expandir nossos intentos.

Outra vez comecei a escrever mais cedo, mas parei tudo para atender demandas domésticas e visitas surpresa. Agora finalizo.

As cartas nos trazem o Buquê (Júpiter) em destaque, influenciada pelos Pássaros e pelo Anel. E é através das trocas nas relações que a alegria novamente nos visita. Conversas amorosas podem podem acontecer de repente, sem planejamento, e promover gratas reconciliações.

Hoje vamos de Dori Caymmi e Paulo César Pinheiro, com É o amor outra vez.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

quinta-feira, 6 de março de 2014

pecado é lhe deixar de molho


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Júpiter, na 2ª hora de Vênus: As Estrelas (6 de Copas) + as cartas de corte: As Estrelas (de novo!) e O Sol (Ás de Ouros). A carta das estrelas, de novo hoje por aqui e dobrada, rege o signo de Aquário, onde temos Mercúrio e Vênus em trânsito, e representa sorte, recompensa, confiança, fé, esperança, segurança emocional e caminhos abertos, além da proteção do nosso anjo da guarda. A carta do sol rege o signo de Leão e nos traz caminhos abertos e abençoados, iluminação, prosperidade, vigor, clareza, sabedoria e cura. O Sol carrega a abençoada proteção de Oxalá.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Touro fora de curso desde às 10h56 e até às 23h38, quando ingressa Gêmeos. A lua ficou fora de curso depois de uma quadratura em T com Saturno R em Escorpião e Mercúrio em Aquário. Ela entra em Gêmeos ainda oposta a Saturno R, quadrada a Netuno, em trígono com Vênus e em sextil com Lilith em Leão. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter em Câncer e Plutão em Capricórnio. Sol em Peixes faz trígonos com Júpiter em Câncer e com Saturno R em Escorpião e faz sextil com Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião. Vênus em Aquário faz quadratura em T com Lilith em Leão e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. Meio do Céu em Touro e Ascendente em Leão na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova em Touro está fora de curso desde às 10h56 e assim permanece até às 23h38, quando entra em Gêmeos. Ela ficou vazia metida na tensão entre Mercúrio e Saturno, deixando a quinta-feira com uma atmosfera emburrada e com diálogos difíceis. É provável que as questões sejam ruminadas o dia inteiro, para só à noite, quando a lua chegar em Gêmeos ainda oposta a Saturno, mas em harmonia com Lilith e Vênus, a palavra finalmente encontre a via de expressão. Hoje Júpiter, o grande benéfico, finalmente encerrou a longa revisão e retomou a marcha direta pela manhã. Como se trata de um planeta pesado, de trânsito lento, demora um pouco a embalar na nova marcha, mas mesmo assim devemos sentir desde já uma tímida melhora na abertura de caminhos. Em Câncer, signo de água, emocional e relacionado às questões familiares, Júpiter agora direto promove avanço nesta área, bem como em todos os negócios que lidam com alimentos. Mas ele também melhora os relacionamentos em geral e as finanças, nos trazendo mais sorte, acolhimento e prosperidade. Em marcha direta, ele ainda pode nos ajudar a desembaraçar os nós do conflito dos gigantes Urano e Plutão (mudanças), no qual ele mesmo está envolvido, mas agora com sua força restaurada, restaurando também a nossa fé.

As cartas nos trazem as Estrelas em destaque e duplicadas, com as bênçãos do Sol por recheio. Nossos caminhos finalmente se abrem, com sorte, generosidade, clareza e segurança emocional.

Hoje vamos novamente de Tribalistas, com Pecado é lhe deixar de molho.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

quarta-feira, 5 de março de 2014

carnavália


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Mercúrio, na 1ª hora de Vênus: As Estrelas (6 de Copas) + as cartas de corte: A Cigana (Ás de Espadas) e Os Pássaros (7 de Ouros). A carta das estrelas rege o signo de Aquário, onde temos Mercúrio em trânsito e também Vênus, a partir das 18h03 de hoje, e representa sorte, recompensa, confiança, fé, esperança, segurança emocional e caminhos abertos, além da proteção do nosso anjo da guarda. A carta da cigana é regida por Vênus e representa a mim e a todas as mulheres que frequentam o Salamalek Tarot, bem como a mulher mais importante da vida dos homens que passam por aqui. Também temos aí a maneira de nos relacionar representada, já que a carta tem regência de Vênus. A carta dos pássaros, de novo hoje por aqui, é regida por Urano, o planeta irreverente que nos traz as coisas de surpresa e regente de Aquário, onde temos Mercúrio e mais tarde Vênus em trânsito, e representa romance, alegrias, conversas entre pessoas queridas, leveza, noção de pertencimento, comunicações.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Touro ativando dois bisextis, com Júpiter R em Câncer e Sol em Peixes e com Sol em Peixes e Plutão em Capricórnio. Às 15h44 a lua começa a quadrar Mercúrio. À noite, às 20h54, a lua se opõe a Saturno R, fechando quadratura em T com ele e Mercúrio. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter R em Câncer e Plutão em Capricórnio. Às 21h09 ela desfaz o sextil com Júpiter R. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter R em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião. Vênus nos últimos graus de Capricórnio faz quadratura em T com Lilith em Leão e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra. No comecinho da noite, às 18h03, Vênus ingressa Aquário. Amanhã no começo da manhã, às 07h42, Júpiter finalmente retoma a marcha direta. Meio do Céu em Peixes e Ascendente em Gêmeos na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova em Touro faz lindos aspectos com Sol, Júpiter e Plutão até o meio da tarde, quando se indispõe com Mercúrio e à noite também com Saturno, entrando no exercício de contradição dos dois. A quarta-feira de cinzas começa produtiva, com mangas arregaçadas e vontade de colocar as coisas para andar, mas se encerra com um certo desânimo por conta da pressão de Saturno, que pode enviesar a conversa e fechar os humores. Mais uma vez, a paciência é a chave para os impedimentos. Mas isso a lua taurina tem de sobra e saberá tirar de letra no compasso do devagar e sempre. Tomara! Mas a grande novidade do dia é que Vênus, o planetinha responsável pelos relacionamentos e valores, depois de uma longa e cansativa temporada nas montanhas capricas, finalmente ingressa Aquário no comecinho da noite, às 18h03. Ainda que tenha sido uma fase de comprometimento maior e com muitas resoluções difíceis no acidentado terreno do amor, não há dúvida que todos nós crescemos com isso. Plutão transformou completamente esta Vênus nos vários encontros íntimos e profundos que travaram. O resultado pode até ter revelado alguma frieza nas questões do feminino, em consequência da destruição quase completa da ingenuidade, mas com um ganho ainda incalculável em maturidade e consciência do próprio poder. Acho que tenho bastante propriedade para falar sobre o assunto, inclusive, já que a minha própria Vênus (caprica e conjunta ao Sol e a Marte) foi cobaia em todo esse processo. Senti no lombo. E sou sinceramente grata pelas profundas transformações, mas confesso que me sinto aliviada pela mudança de endereço da bela. Novos ares, mais leves e atrelados à liberdade, à amizade, ao companheirismo e à afinidade intelectual ventilarão as relações a partir desta noite, deixando-as mais independentes e divertidas. O amor agora é acima de tudo amigo e pede respeito à liberdade pessoal. Ficar junto deve ser antes de mais nada uma opção prazerosa.

Bem, eu tirei as cartas e comecei a escrever o texto bem mais cedo. Mas deixei tudo pelo meio do caminho para receber belas visitas inesperadas. Agora retomo, para finalizar, e Vênus já é aquariana. Já sentiram os novos ventos por aí? Eu já. Ufa!

Mais uma boa notícia: amanhã no começo da manhã, às 07h42, Júpiter finalmente retoma a marcha direta.

As cartas, numa sintonia encantadora com o céu, nos trazem as Estrelas (Aquário) em destaque, influenciadas pela própria Vênus (A Cigana) e pelos Pássaros (Urano, regente de Aquário). E lá vamos nós pintar o amor com novas cores.

Isso tudo me lembrou Os Tribalistas e, embora do Carnaval hoje só restem as cinzas, vamos de Carnavália.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Judith Bärtschi Lenormand

terça-feira, 4 de março de 2014

pagu


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia de Marte, na 1ª hora de Júpiter: Os Lírios (Rei de Espadas) + as cartas de corte: Os Lírios (de novo!) e O Cavaleiro (9 de Copas). A carta dos Lírios é regida pela Lua e nos fala de paz, serenidade, bem-estar, amorosidade, além de carregar a proteção da orixá Oxum. A carta do cavaleiro, de novo por aqui hoje, é regida por Mercúrio, planeta responsável pelos pensamentos e comunicações, e representa o portador de mensagens, aquele que leva e traz, que faz e acontece, que vibra coerência entre palavra e atitude, o guerreiro corajoso e veloz. O nobre cavaleiro carrega ainda a proteção dos Exus e do Arcanjo Miguel.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Áries ativando a grande cruz cardinal com Lilith em Leão, Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e Vênus em Capricórnio. Com estes aspectos a lua fica fora de curso às 14h32 e assim permanece até às 16h13, quando entra em Touro, com os mesmos aspectos e em sextil com Netuno. No começo da madrugada, às 01h04, a lua inicia também um sextil com Júpiter R, formando um bisextil com ele e Netuno. Ao longo da madrugada, ela se livra das quadraturas, mantém o benéfico bisextil e ganha um trígono com Plutão. Urano em Áries faz quadratura em T com Júpiter R em Câncer e Plutão em Capricórnio. Sol em Peixes faz trígono com Júpiter R em Câncer e sextil com Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes faz trígono com Júpiter R em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião. Meio do Céu em Áries e Ascendente em Gêmeos na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova em Áries ativa a grande cruz cardinal com Lilith, Marte R, Nodo Norte e Vênus e aprofunda as tensões, provocando estranhamento entre masculino e feminino. Marte enfraquecido e pouco à vontade em território regido por Vênus, e ainda por cima em marcha a ré, se vê obrigado a rever a postura do guerreiro, bebendo da poderosa fonte intuitiva no exercício de contradição com as três representantes femininas do céu para reformular suas estratégias. Saturno também em marcha a ré cobra de Mercúrio algum compromisso firmado e ainda não cumprido. Qual será a promessa esquecida que sustenta parte essencial da nossa estrutura? A lua fica fora de curso em meio a essas questões, reprimindo seu poder de fogo e provocando nervosismo e desconforto. Mais tarde, às 16h13, ela entra em Touro, território de Vênus e, embora mantenha os aspectos desafiadores, se harmoniza com Netuno, nos reconectando com o sonho, a intuição e amorosidade. Durante a madrugada, ela aumenta esse estado de encantamento, harmonizando-se também com Júpiter e livrando-se das tensões. Amanhã teremos um dia mais produtivo e otimista. Por hoje, melhor aproveitar o final do feriado prolongado para pensar em todas as questões levantadas pelos conflitos latentes que o céu nos impõe.

As cartas nos trazem a dobradinha dos Lírios, com o Cavaleiro entre eles. Gentileza, paz de espírito e harmonia são a melhor postura para atravessar o dia. A serenidade e maturidade inerentes à carta dos Lírios são aliadas perfeitas para alcançar o entendimento.

Hoje vamos de Rita Lee, com Pagu.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

segunda-feira, 3 de março de 2014

é hoje


Olá, queridos!

Cartas de hoje, dia da Lua, na 1ª hora de Mercúrio: A Cegonha (Rainha de Copas) + as cartas de corte: A Chave (8 de Ouros) e O Urso (10 de Paus). A carta da cegonha rege o signo de Áries, onde temos Urano em trânsito, o planeta irreverente que muda as coisas sem aviso. A Cegonha representa novidades, surpresas, mudanças repentinas e para melhor. A carta da chave é regida pelo Sol e nos diz que temos a solução, a senha para abrir os caminhos está em nossas mãos. Ela nos traz ainda esclarecimentos, revelações. A carta do Urso rege a casa I da mandala astrológica, casa de Áries, esfera do nosso ego, identidade, autoestima e individualidade na jornada da vida, e representa os instintos básicos, demarcação de território, posse, ciúmes, força, poder e também proteção.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Áries conjunta a Urano, envolvida na quadratura em T com Júpiter R em Câncer e Plutão em Capricórnio, e em sextil com Mercúrio em Aquário. À noite, já afastada de Urano, a lua sai da influência da quadratura em T com Júpiter e Plutão. No fim da noite, às 22h37, ela inicia oposição com Marte R, se dispositor, e Nodo Norte conjuntos em Libra. Na madrugada, às 02h20, ela fecha mais uma quadratura em T no céu, com Marte R, Nodo Norte e Vênus. Sol em Peixes, conjunto a Quíron e ainda conjunto a Netuno, faz trígono com Júpiter R em Câncer e sextil com Plutão em Capricórnio. Netuno em Peixes também faz trígono com Júpiter R em Câncer. Mercúrio em Aquário quadra Saturno R em Escorpião. Vênus em Capricórnio faz quadratura em T com Lilith em Câncer e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra, e faz sextil com Saturno R em Escorpião. Às 16h51, Vênus desfaz o sextil com Saturno em Escorpião. Meio do Céu em Peixes e Ascendente em Gêmeos na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova ariana está conjunta a Urano e armada até os dentes na rebarba da guerra de Titãs (Urano, Júpiter e Plutão), mas ela também se harmoniza com Mercúrio em Aquário, facilitando as comunicações. No começo da noite, conforme segue seu rumo e se afasta de Urano, ela também se livra da quadratura em T. Mas mais tarde, no fim da noite, ela se opõe ao seu dispositor, Marte, retrógrado e aliado ao Nodo Norte (destino). E na madrugada isso vira uma quadratura em T, envolvendo Vênus em mais uma indisposição. Os ânimos hoje estão cozinhando na panela de pressão, a uma atitude inábil da explosão. Por isso não provoque nem aceite provocações. Por outro lado, há uma forte tendência às explosões que não machucam ninguém e ainda por cima têm a grata capacidade de nos transformar em pessoas melhores. A criatividade se oferece com fartura em lampejos elétricos, inusitados, revolucionários. Como estamos em pleno carnaval, que eu não acompanho mas muitos de vocês sim, fiquem atentos: é bem provável que o desfile desta noite revele a escola de samba campeã, pela originalidade e a tal da explosão criativa a conquistar cada centímetro da arquibancada. Claro que a conquista do prêmio é pensada e construída muitos meses antes do desfile, mas a evolução no momento passarela fará toda a diferença hoje. Pois é, e o que podemos trazer disso para a nossa esfera pessoal? Temos o impulso preparadinho para o salto transformador, inclusive com a ajuda de Mercúrio. Algo me diz que a comunicação será a ponte para a transformação pretendida. E então chegamos ao ponto crucial: em meio a um céu tão delicado, a mestria está em saber comunicar. É aí que uma dentre várias escolas de samba será escolhida. É aí que nós poderemos encontrar espaço para o salto. Marte e Saturno estão em revisão. Um passo atrás para revisar estratégias talvez seja a chave de toda a questão. E é através das ideias trocadas, especialmente com os amigos (Mercúrio em Aquário), que a solução genial pode de repente se apresentar. Aproveite as condições propícias no dia de hoje, por que na madrugada os humores já não serão mais os mesmos. A partir das 02h20 teremos três quadraturas em T bailando no céu e uma agressividade importante fervilhando por aí. Muitos de nós estaremos na rua por sinal, e a nossa segurança será garantida pela nossa postura. Teremos então Sol e Quíron em conjunção perfeita e harmonizados com Júpiter e Plutão. O viés é pisciano, ofertando danação ou redenção. É no amor que tudo se dissolve, que façamos a escolha acertada, amém.

As cartas nos trazem a Cegonha em destaque, influenciada pela Chave e pelo Urso. Se soubermos transformar a nós mesmos, sem desprezar os nossos instintos mais básicos, mas antes nos reconciliando com eles, significadores importantes e complementares à nossa essência, já estaremos dando um passo na direção de um mundo melhor para viver. A transformação maior depende de cada um de nós.

E já que é Carnaval, é dele que vem a canção de hoje, o hino da alegria (e que ela nos contagie e seja o nosso passaporte para derrubar as tensões), samba-enredo de 1982 da Escola de Samba União da Ilha, dos compositores Didi & Mestrinho: É Hoje.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Mystical Lenormand

sábado, 1 de março de 2014

saudade de amar


Olá, queridos!

É com a vibração do 4 de Ouros que atravessaremos o mês de março. O naipe de Ouros é relacionado ao elemento terra, às coisas concretas, materiais, práticas. E o que temos no 4? Bem, ele nos traz realmente uma conquista pela qual batalhamos de verdade. Eba! Mas ao mesmo tempo é uma espécie de teste. O que vamos fazer dessa conquista? Infelizmente muitos de nós tendem ao egoísmo de sentar em cima dela na atitude de "é meu, ninguém tasca, eu vi primeiro" e, além disso, achar que já conquistou o mundo e não precisa fazer mais nada. Aí que mora o perigo, porque a vida é um ciclo contínuo e nada é permanente. E quando se trata de prosperidade, é bom que estejamos alinhados com ela, que normalmente se expande onde encontra atitudes genuinamente merecedoras, como gratidão e generosidade. Ela não combina com apego. E é sobre isso que o 4 de Ouros vem nos alertar. Então, olho vivo, queridos! Estaremos sob esta vibração durante todo o mês que começa hoje. Se somos alertados sobre apego, isso pressupõe conquistas há muito aguardadas que começam a se concretizar, nos trazendo segurança e estabilidade. Devemos ser gratos e continuar fazendo por onde prosperar através desta base, inclusive lembrando das pessoas que de alguma forma nos ajudaram a chegar até aqui. Como o mês já começa com a lua nova de Peixes, conjunta a Netuno e sob as bênçãos de um trígono com Júpiter, o grande benéfico, a grande lição é confiar e deixar fluir, compartilhando generosamente das conquistas, na vibração do amor elevado pela ausência de condição. Abra mão do controle e o universo saberá te recompensar com bênçãos ainda maiores.


Cartas de hoje, dia de Saturno, na 1ª hora da Lua: O Jardim (8 de Espadas) + as cartas de corte: A Árvore (7 de Copas) e As Estrelas (6 de Copas). A carta do jardim rege a casa X da mandala astrológica, nós diante do mundo, nossa meta de realização pessoal, nosso reconhecimento, e diz respeito aos ambientes que frequentamos e como somos influenciados por eles bem como os influenciamos. O Jardim representa encontros prazerosos, ambientes agradáveis, bem-estar, colheitas. A carta da árvore rege o signo de Virgem, onde temos a Lua cheia em trânsito, e nos fala de prosperidade, fortalecimento emocional e bem-aventurança, além de carregar a proteção de Oxóssi, o orixá das matas. A carta das estrelas rege o signo de Aquário, onde temos Mercúrio em trânsito, e representa sorte, recompensa, confiança, fé, esperança, segurança emocional e caminhos abertos, além da proteção do nosso anjo da guarda.

Aspectos do Céu:
No céu do dia temos a lua nova em Peixes conjunta ao Sol, em sextil com Plutão em Capricórnio e em trígono com Júpiter R em Câncer. Às 15h00 a lua inicia um trígono com Saturno. Às 16h52 ela desfaz o trígono com Júpiter. Às 17h52 ela desfaz o sextil com Plutão. Às 22h30 ela inicia um sextil com Vênus, triangulando com ela e Saturno (bisextil). Sol em Peixes conjunto a Netuno também faz sextil com Plutão em Capricórnio e trígono com Júpiter R em Câncer. Netuno também está em trígono com Júpiter. Mercúrio está sem aspectos em Aquário. Vênus em Capricórnio faz quadratura em T com Lilith em Câncer e Marte R e Nodo Norte conjuntos em Libra e faz sextil com Saturno em Escorpião. Plutão em Capricórnio faz quadratura em T com Urano em Áries e Júpiter R em Câncer. Meio do Céu em Peixes e Ascendente em Gêmeos na hora da tiragem das cartas.

Conselho do Dia:
A lua nova em Peixes se harmoniza com Júpiter, Plutão, Saturno, e mais tarde com Vênus. Atmosfera de sonho, fantasia, intensidade e compromisso em pleno Carnaval. Seja lá o que você for fazer com o seu feriado prolongado, que seja com uma atitude positiva e amorosa. Temos tensões de sobra no céu também e a nossa sorte vai depender da nossa disposição interna. Como diz o antigo ditado, "quando um não quer, dois não brigam". Então gente, vamos encher as taças com amor e alegria e com certeza é o que teremos durante a folga no calendário. Com essa chuvinha abençoada, presente do encontro no signo de Peixes, o clima tá mais para curtir a casa em clima de romance, com musiquinha e filmes gostosos. Mas é festa de momo e a rua fica bem assanhada. Para quem gosta, a melhor pedida com certeza será cair na folia. Mas ó, já sabe, né? Vai com calma na dose para não se afogar. Ritmo moderado pra aguentar o pique e aproveitar a festa.

Marte vira o jogo hoje e assim permanece até o dia 20 de maio. Vich! Teremos então cerca de dois meses e meio de ação embutida. Muita coisa para ser refeita na área dos relacionamentos, já que o guerreiro está no signo de Libra. Uma boa fase para aprender mais como manter em equilíbrio os pratos da balança. E para todo o resto da vida é um tempo de mais estratégia e menos ação, a menos que seja para refazer algo que já deveria estar pronto.

As cartas nos trazem o Jardim em destaque, influenciado pela Árvore e pelas Estrelas. Que coisa mais linda! Desde antes de ontem elas chegam numa cadência perfeita, dando uma continuidade ao cenário e praticamente conversando com a gente. Se ontem tivemos a Árvore como recheio do Cavaleiro dobrado, hoje já sabemos que ele cumpriu muito bem seu ofício e atrelou nossa sementinha às Estrelas, que já a lançou no Jardim. Agora é só aguardar a colheita.

Hoje vamos de Dori Caymmi e Paulo César Pinheiro, com uma prosa de mestre boa demais e a lindíssima canção Saudade de Amar.

Gratidão!
_/\_

Texto: Lilian Guedes
Baralho: Shadowscapes Tarot e Judith Bärtschi Lenormand